Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bayern admite favoritismo na semi contra o Guangzhou

Destaque da equipe alemã, Franck Ribéry disse que não conhece o rival chinês. Equipes jogam nesta terça-feira, às 17h30, e o vencedor se classifica para a final

“Não sei muito sobre o time chinês, mas certamente somos favoritos”, disse o francês Ribéry

Admitindo favoritismo, o Bayern de Munique enfrenta o Guangzhou Evergrande, no Estádio Agadir, às 17h30 (horário de Brasília). Possível rival do Atlético-MG na final – os brasileiros ainda precisam passar pelo Raja Casablanca, na quarta-feira -, a equipe alemã admite o favoritismo e tenta encerrar o ano perfeito com mais um título (venceu a Liga dos Campeões, Campeonato Alemão e Copa da Alemanha). “Não sei muito sobre o time chinês, mas certamente somos favoritos”, disse o francês Ribéry, que fez uma temporada excelente e está na briga pela Bola de Ouro, com o português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi.

Leia também:

Liga dos Campeões terá Barça x City e Bayern x Arsenal

Bayern confirma desfalque de Robben no Mundial de Clubes

Líder e com uma invencibilidade de 41 jogos no Campeonato Alemão, o Bayern de Munique é um dos times mais temidos do mundo. Com apenas uma derrota nos últimos 29 jogos, a equipe do técnico Pep Guardiola vem fazendo um excelente trabalho no torneio nacional e na Liga dos Campeões, com chances de ser campeã em ambas as competições. Mesmo com os desfalques de Badstuber, Robben e Schweinsteiger, o time alemão não chega fragilizado ao Mundial de Clubes, já que conta com peças de reposição de prestígio, como Toni Kroos e Mario Gotze.

Leia também:

Presidente do Bayern será julgado por evasão fiscal

Dirigente do Atlético-MG desconversa sobre futuro de Cuca

Do outro lado, o Guangzhou Evergrande sabe da força do adversário, mas chega à semifinal com confiança por ter vencido o Al Ahly por 2 a 0 na fase anterior. O time chinês também vive bom momento e foi derrotado apenas uma vez nas últimas 19 partidas. Além da Copa dos Campeões da Ásia, o Guangzhou ainda levantou as taças do Campeonato Chinês e da Copa da China, estabelecendo-se como um dos times asiáticos em melhor momento. A boa temporada é reflexo das ótimas atuações de Conca, Elkeson e Muriqui. O trio é a grande aposta do treinador italiano Marcelo Lippi, campeão do mundo pela Itália na Copa de 2006.

(Com agência Gazeta Press)