Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Barrichello, 17º lugar, diz ter se divertido na estreia na Indy

“Vai levar algum tempo para se acostumar, mas esperamos grandes coisas dele”, disse um dos donos da equipe do piloto brasileiro

Rubens Barrichello, que depois de 19 temporadas na Fórmula 1 estreia este ano na Série IndyCar do automobilismo americano, disse ter se divertido muito na primeira corrida neste circuito, apesar dos problemas técnicos que teve com seu carro. Rubinho, que completa 40 anos em maio, chegou em 17º no Grande Prêmio de St. Petersburgo (Flórida), vencido no domingo por seu compatriota, Helio Castroneves. “Eu me diverti muito na pista”, disse Barrichello em entrevista ao site oficial da Indy, nesta segunda. O brasileiro apontou um problema técnico como motivo para seu desempenho ruim.

“Infelizmente, tivemos um problema com a leitura do medidor e o carro ficou seu combustível no final. Mas me diverti com a corrida e a disputa com outros carros. Só ques gostaríamos de ter conseguido pressionar mais”, completou ele. O piloto foi o que passou mais tempo correndo na Fórmula 1, disputando 323 Grandes Prêmios. Na categoria, ele acumulou dois vice-campeonatos (2002 e 2004) e 11 vitórias, além de 14 poles e 68 pódios. “Este fim de semana foi uma boa experiência de aprendizagem e espero estar de volta no carro em poucos dias para a próxima corrida da série”, acrescentou.

Rubinho entrou para a equipe KV Racing Technology no começo do mês e só conseguiu dar algumas voltas no novo modelo de carro, estreado por todas as categorias nesta temporada. “Vai levar algum tempo para se acostumar aos pneus frios e correr em fila dupla, mas esperamos grandes coisas dele”, disse Kevin Kalkhoven, co-proprietário da KV Racing Tech. Barrichello é um dos 26 pilotos que competem nesta temporada pela IndyCar, que terá 16 provas disputadas em circuitos fechados e urbanos. Enquanto Rubinho tenta se adaptar à Indy, a torcida italiana, numa enquete na internet, o elege como favorito para substituir o criticado Felipe Massa na Ferrari.