Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Barça vence o Sevilla em dia de apoio a Abidal e golaço de Messi

Sevilha (Espanha), 17 mar (EFE).- Apesar da grande vantagem do Real Madrid na liderança e dos discursos pessimistas do técnico Josep Guardiola, o Barcelona utilizou força máxima neste sábado e derrotou o Sevilla por 2 a 0, em jogo marcado por manifestações de apoio ao lateral Éric Abidal, que terá que passar por um transplante de fígado.

As duas equipes entraram em campo com camisas de apoio ao jogador francês com os seguintes dizeres: ‘Abi! Voltarás a vencer’. Em março de 2011, Abidal passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor no fígado, e desde o começo do tratamento já era levada em consideração a possibilidade do transplante.

A vitória obtida no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em confronto válido pela 28ª rodada, levou o Barça aos 63 pontos, sete a menos que o Real Madrid, que neste domingo receberá o Málaga, time que vem reagindo no torneio e já é o quarto colocado.

A equipe comandada por Guardiola não deu um minuto de sossego para a defesa dos donos da casa, mostrando garra mesmo sabendo que o tetra está distante devido à distância na tabela.

De uma falta sofrida pelo lateral brasileiro Adriano, ex-Sevilla, aconteceu o primeiro gol do Barça, aos 18 minutos do primeiro tempo. Xavi foi o encarregado da cobrança e não desperdiçou a chance de fazer 1 a 0.

Mesmo em vantagem no placar, o time catalão continuou em cima do adversário e chegou ao 2 a 0 sete minutos depois, em bela jogada de Messi. O argentino trocou passes com Iniesta, colocou a bola entre as pernas de Spahic e encobriu o goleiro Palop.

O belo gol foi o de número 231 do atacante de 24 anos com a camisa do Barcelona. Assim, faltam apenas quatro para que ele iguale César Rodríguez como maior artilheiro da história do clube.

Após o segundo gol, o Sevilla reagiu e equilibrou as ações ainda antes do intervalo e acertou a trave de Valdés, em tentativa de Manu del Moral.

Na etapa final, os visitantes tiraram o pé do acelerador e não levaram tanto perigo a Palop, mas souberam se defender e garantir a vitória, a 19ª no Espanhol.

Também neste sábado, o Osasuna poderia ter assumido provisoriamente a quarta colocação, que garante vaga na próxima Liga dos Campeões, mas tropeçou na visita ao lanterna Zaragoza, empatando em 1 a 1, e por isso ficou a um ponto do Málaga, com 39.

O Osasuna sofreu um gol aos 41 minutos do segundo tempo, mas logo depois, aos 43, o brasileiro Rosersio igualou.

Quem se aproximou das posições que dão vagas nas competições europeias foi Rayo Vallecano, que bateu o Betis por 3 a 0 em casa e agora soma 37 pontos, um a menos que o Levante, que fecha a zona de classificação para Liga Europa. Um dos gols dos madrilenhos foi marcado pelo atacante brasileiro Diego Costa.

Outro jogador nascido no Brasil que também deixou sua marca foi o volante Guilherme Siqueira, que ajudou o Granada a vencer o Sporting Gijón e abrir sete pontos de distância para a zona de rebaixamento. EFE

agr/dr