Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Barça e PSG brigam pela liderança e City tenta sobreviver

Mesmo com várias equipes já classificadas, rodada da Liga dos Campeões tem atrativos, como possível recorde de Messi e reencontro de Chelsea e Di Matteo

Por Da Redação 25 nov 2014, 07h44

Os jogos desta terça

Grupo E

Man. City x Bayern, em Manchester

CSKA x Roma, em Moscou

Grupo F

Apoel x Barcelona, em Nicósia

Paris Saint-Germain x Ajax, em Paris

Grupo G

Schalke x Chelsea, em Gelsenkirchen

Sporting x Maribor, em Lisboa

Grupo H

Shakhtar x Athletic Bilbao, em Lviv

Continua após a publicidade

Bate Borisov x Porto, em Borisov

Alguns dos principais clubes envolvidos nas partidas desta terça-feira da Liga dos Campeões – Barcelona, Paris Saint-Germain, Bayern de Munique e Porto – já estão garantidos nas oitavas de final. Ainda assim, a rodada tem atrativos de sobra, como a possibilidade de um recorde histórico, uma potência emergente da Europa tentando seguir viva na competição e o reencontro do técnico que comandou o primeiro time londrino a erguer a taça europeia com sua antiga equipe. Quatro equipes podem sair classificadas da rodada: Roma ou CSKA, no Grupo E, Chelsea, no G, e Shakhtar Donetsk, no H. As partidas acontecem às 17h45 (de Brasília), com exceção de Bate x Porto e CSKA x Roma, ambas às 15 horas.

No Grupo E, o Bayern de Munique já se classificou e garantiu até o primeiro lugar. Na outra ponta da tabela está o Manchester City, atual campeão inglês, que corre o risco de ser eliminado na fase de grupos pela terceira vez em quatro anos, com apenas dois pontos em quatro rodadas. Se houver vencedor no outro confronto da chave, entre CSKA e Roma, e o City não derrotar o gigante alemão, Yaya Toure, Sergio Agüero e companhia darão adeus à competição. A Roma precisa de apenas uma vitória para passar às oitavas. Se o City não vencer, o CSKA precisa derrotar os italianos para se classificar. O problema pode ser o saldo de gols – o time russo perdeu o primeiro duelo contra a Roma por 5 a 1.

No Grupo F, Paris Saint-Germain e Barcelona já estão matematicamente classificados, mas a briga continua, desta vez pela primeira colocação na chave, que pode significar um cruzamento menos complicado na fase seguinte. O clube francês, invicto nesta temporada em todas as competições, tem um ponto de vantagem sobre o time catalão. Com isso, o duelo entre os clubes na última rodada, em 10 de dezembro, no Camp Nou, promete ser uma verdadeira final. O Ajax, que encara o PSG fora de casa nesta terça, quer o terceiro lugar para ir à Liga Europa. Os holandeses têm um ponto a mais que o modesto Apoel, que recebe a visita de Neymar, Suárez e Messi. O argentino, aliás, tem boa chance de se isolar como artilheiro histórico da competição. Ele está empatado com Raul, com 71 gols.

Leia também:

Fifa revela indicados ao prêmio de melhor goleiro de 2014

Vídeo mostra Neymar chegando atrasado a treino do Barça

Bayern quita dívida de sua arena – 16 anos antes do prazo

Clube bielorusso é punido por racismo contra Luiz Adriano

Ninguém está classificado por antecipação no Grupo G, e o Chelsea, líder da chave, quer ser o primeiro a se garantir a vaga nas oitavas com uma vitória ou um empate com o Schalke. Por coincidência, dois meses depois de assumir o comando do time alemão, o italiano Roberto Di Matteo, que conduziu a equipe de Londres ao seu primeiro título europeu, reencontra o antigo time, que o demitiu seis meses depois da final da Liga dos Campeões de 2012. Por fim, no Grupo H, o Porto já está garantido e o Shakhtar precisa somar apenas um ponto nas últimas duas rodadas para se juntar aos portugueses. O Bate Borisov, humilhado pelos ucranianos por 7 a 0 na ida e 5 a 0 na volta, precisa vencer os dois jogos que faltam e torcer por duas derrotas do clube de Luiz Adriano para ter chances de classificação.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade