Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Balotelli garante que está 100% para jogar no Brasil

Atacante diz que não sente mais dores e estará 'bem' para disputar torneio

O atacante Mario Balotelli garantiu nesta quinta-feira que, a não ser que algo lhe aconteça na partida desta sexta-feira contra a República Checa, em Praga, pelas Eliminatórias da Copa, ele chega 100% ao Brasil para defender a Itália na Copa das Confederações. “Fisicamente estou muito bem. Não sinto mais dores nas costas”, disse o jogador, em concorrida entrevista em Praga, em que o assunto do dia era uma troca de memsagens entre ele e o jamaicano Usain Bolt.

Leia também:

Vaiado no Rio, Hulk diz que só opinião de Felipão importa

Brasil começa torneio em posição vexatória no ranking: 22º

Maracanã passa no teste, mas Brasil fica no empate: 2 a 2

Balotelli recentemente criou uma conta no Twitter e rebateu uma suposta declaração de Bolt, que teria dito ao jornal Gazzetta dello Sport que achava Balotelli “um pouco agressivo” e que nas vezes em que se encontraram o atacante “não foi muito simpático”.

Leia também:

Brasil tenta encerrar incômodo jejum contra os campeões

De Kaká a Neymar, lacuna entre gerações atrapalha Brasil

Em fase de transição, o Brasil é só coadjuvante na Europa

Balotelli dessa vez foi político. “Ele é meu atleta preferido. É uma força da natureza. Seu agente esclareceu suas frases. Bolt disse que não gostaria que eu jogasse no Manchester United. O que saiu é que eu era antipático. É culpa do jornalista”, disse o atacante, rindo. Vaga – Sobre o jogo desta sexta, o técnico Prandelli disse que seria importante voltar de Praga com uma vitória, o que deixaria a Itália muito perto da Copa de 2014. “Temos de ganhar. Eles são uma equipe agressiva, com Rosicky como referência. Queremos jogar 90 minutos no campo deles e não nos preocupamos com o contra-ataque.”

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Depois de jogar em Praga, a Itália viaja para o Brasil. Na terça, faz um amistoso contra o Haiti (que enfrenta a Espanha neste sábado, nos EUA). A estreia na Copa das Confederações é no dia 16, contra o México, no Maracanã. Para enfrentar a República Checa o time será: Buffon; Abate, Barzagli, Bonucci e Chiellini; De Rossi, Pirlo, Marchisio e Montolivo; Balotelli e El Shaarawy.

A tabela da Copa das Confederações

GRUPO A

  • Brasil
  • Japão
  • México
  • Itália

GRUPO B

  • Espanha
  • Uruguai
  • Taiti
  • Nigéria

FASE DE GRUPOS

  • 15 de junho 16:00
    • Brasil
    • Japão

    Brasília Estádio Nacional

  • 16 de junho 16:00
    • México
    • Itália

    Rio de Janeiro Estádio do Maracanã

  • 19 de junho 16:00
    • Brasil
    • México

    Fortaleza Castelão

  • 19 de junho 19:00
    • Japão
    • Itália

    Recife Arena Pernambuco

  • 22 de junho 16:00
    • Japão
    • México

    Belo Horizonte Estádio Mineirão

  • 22 de junho 16:00
    • Itália
    • Brasil

    Salvador Arena Fonte Nova

  • 16 de junho 19:00
    • Espanha
    • Uruguai

    Recife Arena Pernambuco

  • 17 de junho 16:00
    • Taiti
    • Nigéria

    Belo Horizonte Estádio Mineiro

  • 20 de junho 16:00
    • Espanha
    • Taiti

    Rio de Janeiro Estádio do Maracanã

  • 20 de junho 19:00
    • Uruguai
    • Nigéria

    Salvador Arena Fonte Nova

  • 23 de junho 16:00
    • Uruguai
    • Taiti

    Recife Arena Pernambuco

  • 23 de junho 16:00
    • Nigéria
    • Espanha

    Fortaleza Estádio Castelão

SEMIFINAL

  • 26 de junho 16:00
    • Primeiro do grupo A
    • Segundo do grupo B

    Belo Horizonte Estádio Mineirão

  • 27 de junho 16:00
    • Primeiro do grupo B
    • Segundo do grupo A

    Fortaleza Estádio Castelão

DISPUTA DE 3° LUGAR

  • 30 de junho 13:00
    • Perdedor da semifinal 1
    • Perdedor da semifinal 2

    Salvador Arena Fonte Nova

FINAL

  • 30 de junho 19:00
    • Vencedor da semifinal 1
    • Vencedor da semifinal 2

    Rio de Janeiro Estádio do Maracanã

(Com Estadão Conteúdo)