Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Balotelli é a nova vítima de racismo no Campeonato Italiano

Atacante ficou furioso com os gritos e chutou a bola em direção à arquibancada

Por AFP - 3 nov 2019, 15h17

Mario Balotelli foi a nova vítima do racismo no Campeonato Italiano. Neste domingo, 3, o Brescia, time do atacante, perdeu por 2 a 1 para o Verona fora de casa, com gol marcado pelo próprio Balotelli. O incidente aconteceu no segundo tempo da partida. Irritado, o jogador chutou a bola em direção aos torcedores.

Depois de uma jogada na ponta esquerda, Balotelli pegou a bola com as mãos e a chutou violentamente na direção dos torcedores veroneses. Furioso, o jogador colocou os dedos nas orelhas, indicando que havia ouvido algo, e em seguida se dirigiu à beira do campo caminhando atrás do gol do Verona, como se quisesse abandonar o jogo.

O atacante foi cercado por seus companheiros e também por muitos dos jogadores do Verona, que tentaram acalmá-lo e o abraçaram. A partida ficou interrompida durante alguns minutos até que o locutor do estádio anunciou que os jogadores iriam para o vestiário em caso de outro incidente do mesmo tipo.

Essa mensagem foi vaiada por grande parte dos espectadores, mas a partida foi reiniciada, com Balotelli em campo.

Publicidade

Publicidade