Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Baixo público em jogo da seleção argentina desanima Messi

Por Da Redação 12 nov 2011, 15h38

As atuações abaixo da média da seleção argentina foram refletidas nas arquibancadas do estádio Monumental de Nuñez, na última sexta-feira, quando a equipe empatou por 1 a 1 com a Bolívia, pelas eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo de 2014. Com poucos pagantes, a Argentina fez outra partida muito fraca tecnicamente e conseguiu ser vaiada por aqueles que permaneceram até o apito final do juiz.

Tal postura dos torcedores desanimou Lionel Messi, que mais uma vez não conseguiu se destacar diante dos bolivianos e teve uma atuação apagada na partida. Criticado pelos argentinos, o atacante do Barcelona lamentou a falta de apoio da torcida, mas salientou que isso é reflexo do modo como a seleção de seu país está se portando em campo.

‘Não sei se nós devíamos receber esse tipo de tratamento das pessoas. Isso tudo é muito doído, mas vamos levantar a cabeça e continuar jogando. Eu gostaria de jogar com a casa cheia, pois me sinto melhor quando o estádio está repleto de torcedores, mas somos nós que temos que contagiar os torcedores a irem para ao estádio. Estamos nos adaptando e os resultados virão com o tempo’, declarou o astro do clube catalão.

O empate com os bolivianos fez com que a Argentina se distanciasse consideravelmente do Uruguai, que agora é o líder com sete pontos ganhos. Na vice-liderança, com quatro, os comandados de Alejandro Sabella voltarão a campo na próxima terça-feira, quando enfrentarão a Colômbia, no Estádio Municipal de Barranquilla.

Continua após a publicidade
Publicidade