Clique e assine com 88% de desconto

Atlético-PR bate Avaí e vence a terceira seguida

Por Da Redação - 17 jul 2012, 23h54

Por AE

Florianópolis – Parece que o Atlético-PR finalmente embalou no Campeonato Brasileiro da Série B. Na fria noite desta terça-feira, o time paranaense contou com duas falhas do sistema defensivo do Avaí para vencer por 2 a 1, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 11ª rodada, e chegar à terceira vitória seguida.

Agora, o Atlético-PR, que chegou a ficar na zona de rebaixamento da Série B, passou a ter 17 pontos e já aparece na nona colocação. O Avaí, por sua vez, somou a segunda derrota consecutiva e ficou ainda mais longe dos primeiros colocados, estacionado nos 14 pontos, em décimo lugar.

Em um primeiro tempo bastante equilibrado, as falhas do sistema defensivo de ambos os times fizeram o placar parcial terminar no 1 a 1. Aos 13 minutos, Leandro Silva entregou a bola nos pés de Tiago Adan, que tocou para Marcelo. O atacante invadiu a área e tocou na saída do goleiro do Avaí.

Publicidade

O empate do time da casa saiu aos 32 minutos. Mika passou para Nunes, que ficou livre após a falha do zagueiro Manoel e só teve o trabalho de bater rasteiro no canto de Weverton, fazendo 1 a 1.

Diferente do primeiro tempo, que foi bastante movimentado, a etapa final começou truncada e sem muitas chances de perigo. Quando o jogo se encaminhava para o empate, o Atlético-PR aproveitou mais uma falha do Avaí. Jaílton saiu jogando errado, Cleberson ficou com a bola e cruzou rasteiro. Na segunda trave, livre de marcação, Marcelo concluiu para o gol aberto.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 12ª rodada da Série B. O Avaí enfrenta o Goiás no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, enquanto o Atlético-PR recebe o Vitória em Paranaguá (PR).

FICHA TÉCNICA:

Publicidade

AVAÍ 1 x 2 ATLÉTICO-PR

AVAÍ – Diego; Patric, Cássio, Leandro Silva e Pirão; Rodrigo Thiesen, Mika, Cléber Santana e Jefferson Maranhão (Jaílton); Diogo Acosta (Julinho) e Nunes. Técnico – Hemerson Maria.

ATLÉTICO-PR – Weverton; Maranhão, Manoel, Cleberson e Wellington Saci; Renan Foguinho, João Paulo Silva e Paulo Baier (Lingüera); Marcelo (Luiz Alberto), Tiago Adan e Ricardinho (Bruno Furlan). Técnico – Jorginho.

GOLS – Marcelo, aos 13, e Nunes, aos 32 minutos do primeiro tempo; Marcelo, aos 37 minutos do segundo tempo.

Publicidade

ÁRBITRO – Marielson Alves Silva (BA).

CARTÕES AMARELOS – Leandro Silva, Rodrigo Thiesen e Nunes (Avaí); Manoel, Ricardinho e Weverton (Atlético-PR).

PÚBLICO – 3.727 pagantes.

RENDA – R$ 39.023,00.

Publicidade

LOCAL – Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Publicidade