Clique e assine a partir de 9,90/mês

Atlético-MG tem a maior dívida com a União: R$ 284 mi

Levantamento da Procuradoria Geral da Fazenda reuniu as dívidas de 103 clubes: total passa de 2 bilhões de reais

Por Da Redação - 19 mar 2015, 19h54

A presidente Dilma Rousseff aprovou nesta quinta-feira uma medida provisória com sete itens que os clubes terão de cumprir para “modernizar e melhorar a relação econômica dos times de futebol”. Um dos principais itens é o que refinancia as dívidas dos times com a União, dando até 240 meses para que as contas sejam pagas. Em levantamento feito pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, o total dos débitos de 103 clubes, até fevereiro, é de 2.330.672.633 reais – havia estimativas de que as dívidas passavam dos R$ 4 bilhões. Os times que mais devem são Atlético Mineiro (mais de 284 milhões de reais), Flamengo (235 milhões de reais) e Botafogo (mais de 215 milhões de reais). Segundo a Procuradoria, as inscrições em Dívida Ativa da União referem-se a qualquer débito com a União devido e não pago no tempo e modo devidos. Podem ter natureza tributária (Imposto de Renda, CSLL, etc); tributária previdenciária (contribuições previdenciárias); ou não-tributárias (multas, receitas patrimoniais, etc) – a Procuradoria também inscreve e cobra débitos do FGTS.

Leia também:

Medida obriga clubes de futebol a cumprirem obrigações por ‘gestão saudável’

Futebol: clubes terão 20 anos para pagar dívidas de R$ 4 bi Juiz manda 14 corintianos e 11 palmeirenses a júri por briga com mortes

Confira as 50 clubes com maiores dívidas: (aqui a lista completa dos 103 times):

Dívida ativa da União – Clubes de Futebol
Nome do Devedor Detalhado TOTAL em 02/2014 TOTAL em 02/2015 EVOLUÇÃO
ATLÉTICO MINEIRO (MG) 146.571.523,86 284.237.202,34 94%
FLAMENGO (RJ) 269.032.538,33 235.039.005,52 -13%
BOTAFOGO (RJ) 192.524.387,69 215.405.863,23 12%
CORINTHIANS (SP) 169.993.900,10 186.546.439,57 10%
FLUMINENSE (RJ) 166.225.164,55 173.901.960,00 5%
VASCO DA GAMA (RJ) 146.885.265,80 148.788.733,96 1%
INTERNACIONAL (RS) 127.210.059,29 129.657.825,20 2%
GUARANI (SP) 90.670.540,98 101.961.936,45 12%
PALMEIRAS (SP) 44.904.072,50 73.850.363,27 64%
PORTUGUESA (SP) 36.674.541,99 68.630.324,58 87%
SANTOS (SP) 64.706.169,24 66.387.774,46 3%
SPORT (PE) 62.443.275,60 59.136.649,46 -5%
VITÓRIA (BA) 44.887.434,98 50.335.927,24 12%
NÁUTICO (PE) 29.184.075,81 45.597.329,55 56%
SANTA CRUZ (PE) 40.975.722,04 42.440.277,77 4%
GRÊMIO (RS) 39.969.655,35 40.964.872,05 2%
GOIÁS (GO) 28.449.962,33 30.831.161,88 8%
CORITIBA (PR) 19.245.941,72 25.144.206,65 31%
BAHIA (BA) 20.821.430,90 21.698.026,56 4%
JUVENTUDE (RS) 15.372.871,20 21.326.799,33 39%
CRUZEIRO (MG) 7.879.825,51 19.801.601,21 151%
AVAÍ (SC) 18.472.590,46 19.299.858,15 4%
ATLÉTICO GOIANIENSE (GO) 8.852.992,41 16.017.154,18 81%
CAXIAS DO SUL (RS) 9.393.535,88 15.100.756,30 61%
BRASILIENSE (DF) 13.563.249,86 14.195.913,29 5%
PAYSANDU (PA) 12.314.972,76 13.945.562,73 13%
VILA NOVA (GO) 12.080.363,15 13.346.460,45 10%
AMÉRICA (RJ) 12.710.266,00 13.149.610,16 3%
PAULISTA (SP) 5.185.125,97 10.586.664,28 104%
PONTE PRETA (SP) 6.371.315,43 9.875.504,60 55%
FORTALEZA (CE) 8.107.260,82 9.592.849,72 18%
REMO (PA) 8.891.944,75 9.446.915,70 6%
BOTAFOGO (SP) 8.849.991,51 9.007.176,62 2%
INTER DE LIMEIRA (SP) 8.128.404,24 8.411.017,41 3%
SÃO PAULO (SP) 7.759.493,22 7.858.310,54 1%
LONDRINA (PR) 8.094.074,71 7.089.455,58 -12%
BOTAFOGO (RJ) * 5.859.835,71 6.246.707,07 7%
VILA NOVA (MG) 4.830.128,69 6.039.023,81 25%
FIGUEIRENSE (SC) 3.586.288,96 6.002.550,91 67%
BETIM (MG) 4.307.395,13 5.632.755,93 31%
MARÍLIA (SP) 6.147.561,48 5.486.609,53 -11%
CEARÁ (CE) 5.829.105,54 5.359.103,47 -8%
OLARIA (RJ) 4.810.592,77 5.299.323,03 10%
AMÉRICA (SP) 4.436.545,38 4.738.780,73 7%
JUVENTUS (SP) 3.698.086,52 4.334.715,37 17%
AMÉRICA (MG) 4.212.873,06 3.997.138,13 -5%
CAMPINENSE (PB) 3.646.129,90 3.859.906,34 6%
SANTO ANDRÉ (SP) 3.331.049,59 3.846.667,01 15%
TREZE (PB) 2.951.381,91 3.563.138,52 21%
XV DE PIRACICABA (SP) 3.064.618,55 3.269.777,42 7%
OPERÁRIO (MS) 3.181.974,55 3.133.884,40 -2%

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade