Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Atlético-MG e Grêmio perdem fora de casa na Libertadores

Jogando contra rivais complicados, equipes brasileiras acabam derrotadas pelo mesmo placar – 1 a 0 – nas partidas de ida das oitavas de final da competição

Atlético-MG e Grêmio foram derrotados na noite desta quarta-feira nas partidas de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. As duas equipes brasileiras jogaram fora de casa contra adversários complicados – o time mineiro enfrentou o colombiano Nacional de Medellín e os gaúchos pegaram o argentino San Lorenzo – e acabaram perdendo pelo mesmo placar, 1 a 0. Agora, para reverter a desvantagem e conseguir a classificação para as quartas de final, Atlético e Grêmio precisam ganhar em casa por dois gols de diferença ou devolver o 1 a 0 e vencer nos pênaltis. As partidas de volta acontecem na semana que vem.

Leia também: Cruzeiro comemora empate ‘com gostinho de vitória’

Atlético-MG – No estádio Atanásio Girardot lotado, o ataque do Atlético-MG voltou a não funcionar. Com Fernandinho e Tardelli nas pontas, a equipe mineira tentava se aproveitar dos contra-ataques, mas os erros de passe no meio de campo dificultavam a tarefa. Bem compactada, a defesa dos brasileiros evitava uma pressão maior do Nacional de Medellín, obrigando os colombianos a arriscarem de fora da área. O problema é que em um desses chutes, já aos 46 do segundo tempo, veio o castigo: Cárdenas acertou um lindo disparo de fora da área e decretou a vantagem do time da casa.

Grêmio – Em noite pouco inspirada, o time do Grêmio não conseguiu conter o ímpeto do San Lorenzo no estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires, e saiu atrás no confronto das oitavas. Depois de um primeiro tempo truncado, a equipe argentina abriu o placar no começo da segunda etapa. O meia Matos recebeu com espaço dentro da área, girou e venceu o goleiro Marcelo Grohe com um chute rasteiro. Na melhor chance de empate, Barcos isolou uma cobrança de infração dentro da pequena área, marcado pelo juiz após recuo ilegal para o goleiro do San Lorenzo.