Clique e assine com até 92% de desconto

Atlético de Madrid confirma a demissão do treinador

Por Da Redação 22 dez 2011, 14h52

Por AE

Madri – A demissão já era anunciada pela imprensa espanhola há alguns dias, mas o Atlético de Madrid oficializou apenas nesta quinta-feira a saída do técnico Gregorio Manzano. Diante dos resultados ruins que vem colecionando na temporada, o clube espanhol resolveu trocar de comando e deve contratar agora o treinador argentino Diego Simeone.

Em sua segunda passagem pelo Atlético de Madrid – a primeira foi na temporada 2003/2004 -, Manzano somou 28 jogos oficiais, com 13 vitórias, 10 derrotas e cinco empates. Diante da campanha ruim, a sua demissão já era dada como certa na imprensa espanhola, o que acabou se concretizando nesta quinta-feira, com o anúncio do clube.

Com Manzano, o Atlético de Madrid ocupa apenas a 10ª colocação no Campeonato Espanhol, com 19 pontos, 21 atrás do líder Real Madrid. Além disso, foi eliminado da Copa do Rei com uma derrota na quarta-feira para o Albacete, que está na terceira divisão. O único ponto positivo é a Liga Europa, na qual avançou para a fase eliminatória.

Manzano é o quarto técnico demitido de clubes da primeira divisão da Espanha nesta temporada. O primeiro foi Michael Laudrup, que saiu do Mallorca ainda em setembro. Depois, foi a vez de Hector Cuper cair no Racing Santander em novembro. E a queda de Juan Carlos Garrido no Villarreal aconteceu na quarta-feira, após a eliminação na Copa do Rei.

Agora, após a diretoria ter decidido por “unanimidade” pela demissão de Manzano, o Atlético de Madrid parte em busca de um novo treinador. O brasileiro Luiz Felipe Scolari foi cogitado, mas ele não quer sair do Palmeiras. Assim, o principal candidato é Simeone, que já foi jogador do clube espanhol e acabou de deixar o comando do Racing.

Continua após a publicidade
Publicidade