Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Atacante do Santa Cruz espera Série C para pagar promessa à filha

Ansioso é a melhor palavra para descrever Weslley, meia do Santa Cruz. Enquanto aguarda o início da Série C, o jogador comemora o desempenho individual e do time nessa intertemporada prolongada que foram obrigados a fazer.

Autor do gol da vitória sobre o Campina na última semana, o jogador segue treinando, apesar de querer mesmo é jogar.

‘Fiquei feliz com o gol e com a performance, não só minha, mas de toda a equipe. O time está muito bem, esperando apenas o início da Série C. Quanto a mim, estou procurando fazer valer cada atividade dessa fase e tenho procurado ser produtivo’, declarou.

Weslley costuma homenagear a filha a cada gol marcado e por isso que tanto que a única divisão do brasileiro que ainda não começou dê logo o pontapé inicial. Para o ano de 2012, o meia-atacante disse à garota que marcaria dez gols.

‘Preciso me dedicar nesse momento que antecede a Série C e, por enquanto, estou conseguindo aproveitar da melhor forma possível. Tudo serve de motivação e a promessa que fiz a minha filha é um dos grandes estímulos. Ainda restam seis gols para eu marcar para ela’, explicou.

O Campeonato Brasileiro da Série C segue paralisado há mais de um mês por conta de um inbróglio judicial que envolve CBF, Treze-PB e e Rio Branco-AC. O Clube da Paraíba pleitea ma Justiça Comum a vaga que a Confederação dá aos acreanos.

Leia Mais:

Leia Mais:

Leia Mais:

Leia Mais: