Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Arsenal fica no 0 a 0 com Chelsea e pode ver Tottenham encostar

Por Da Redação 21 abr 2012, 10h51

Em clássico disputado neste sábado no Estádio Emirates, em Londres, o Arsenal perdeu a chance de se aproximar ainda mais da vaga direta para a próxima Liga dos Campeões da Europa e apenas obteve um empate sem gols com o Chelsea.

Com este resultado a equipe do técnico Arséne Wenger foi aos 65 pontos e se manteve na terceira colocação do Campeonato Inglês. No entanto, o Arsenal tem apenas seis pontos de vantagem para o rival Tottenham e para o Newcastle, que têm dois jogos a menos do que os ‘Gunners ‘e terão a possibilidade de se igualarem na tabela.

Já o Chelsea, com 58 pontos, perdeu a oportunidade de assumir temporariamente a quarta colocação e pode ficar ainda mais longe de obter uma vaga na próxima Liga dos Campeões da Europa em caso de vitórias de Newcastle e Tottenham neste fim de semana.

A próxima partida do Arsenal pelo Campeonato Inglês será contra o Stoke City, fora de casa, daqui a uma semana. Um dia depois, o Chelsea volta a atuar no Stamford Bridge e encara o Queens Park Rangers.O jogo – O primeiro tempo foi menos movimentado do que o esperado, com as duas equipes adotando uma postura cautelosa. No entanto, o Arsenal conseguiu assustar o goleiro Cech em duas oportunidades. Aos 13 minutos, Van Persie desviou falta cobrada por Walcott e a bola quase entrou. Já aos 41, Koscielny acertou o travessão depois de assistência do atacante holandês.

O Chelsea, por sua vez, não fez a pressão esperada para um time que está atrás na tabela, e apenas apostou nos contra-ataques e nas jogadas aéreas na primeira etapa. Nesse último quesito, a equipe de Roberto Di Matteo teve a sua melhor chance para marcar no primeiro tempo aos 43 minutos, quando Terry apareceu livre na área do Arsenal e cabeceou para fora.

Na etapa final os dois técnicos fizeram alterações para tentar dar mais ofensividade às suas equipes. No Arsenal, André Santos, Diaby e Gervinho entraram, enquanto que Mata, Ashley Cole e Mikel ganharam oportunidades no Chelsea.

Mesmo assim, o jogo seguiu truncado e com poucas oportunidades de gol, mas o Arsenal foi quem esteve mais perto de marcar. Aos 35, minutos, Van Persie caiu na área do Chelsea após cruzamento de Song, mas o árbitro não marcou pênalti. Já perto do final do jogo, o holandês driblou Cahill duas vezes, mas teve sua finalização defendida por Cech, que garantiu o zero no placar.

Continua após a publicidade
Publicidade