Clique e assine a partir de 9,90/mês

Argentinos desde pequenininhos

Brasil vence a Nigéria e terá de torcer pelos arquirrivais contra a Espanha, para se classificar e enfrentar os EUA na próxima fase

Por Leslie Leitão - Atualizado em 15 ago 2016, 17h33 - Publicado em 15 ago 2016, 16h13

A primeira parte da missão foi concluída. Com uma atuação segura, a seleção masculina de basquete, comandada por Nenê (ovacionado pelos torcedores), venceu a Nigéria por 86 a 69 na Arena 1 do Parque Olímpico.  A segunda parte da missão é torcer. E a partir das 19h, o torcedor viverá uma situação inusitada, sendo obrigado a torcer pelos arquirrivais. Só uma vitória da Argentina sobre a Espanha mantém o Brasil vivo na competição. Mesmo assim, não se sabe por quanto. Afinal, se a combinação de resultados der certo, o time de Ruben Magnano enfrentará o todo-poderoso Estados Unidos, com suas estrelas da NBA, na próxima quarta-feira.

O curioso é que, aos argentinos, também não resta outra alternativa que não seja vencer, já que uma derrota pode colocá-los na quarta posição do Grupo B e, assim, jogar contra os americanos. Já os espanhóis, medalha de prata nas duas últimas Olimpíadas, também entram em quadra precisando vencer para avançar às quartas-de-final.

Publicidade