Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Argentina garante domínio nos quadriciclos com Alejandro Patronelli em primeiro

Por Da Redação 15 jan 2012, 15h49

A Argentina teve amplo domínio na disputa dos quadriciclos no Rally Dakar e a competição terminou com três representantes do país sede da largada no pódio. Alejandro Patronelli foi o campeão com o tempo total de 5h01min51s e seu irmão, Marcos, cruzou a linha de chegada em segundo. Tomás Maffei completou o pódio argentino.

Alejandro Patronelli foi o terceiro colocado na última etapa de apenas 29 quilômetros, que teve Maffei na frente e Sergio La Fuente em segundo. Foi o bicampeonato do argentino no Rally Dakar, pois ele já havia vencido a edição de 2011.

Além do domínio argentino, a disputa entre os quadriciclos também determinou a supremacia da Yamaha, que marcou presença nas seis primeiras colocações.

O argentino bicampeão apenas confirmou a vitória que já era esperada há algum tempo, haja vista que ele liderava desde a sétima etapa da competição, quando os pilotos ainda estavam na região de Copiapó, no Chile. A vantagem foi aumentado e Alejandro chegou a Lima 1h20min17s na frente do outro representante da família Patronelli.

Em número de vitórias nas etapas, Alejandro Patronelli não possuía vantagem, pois venceu três vezes assim como seus compatriotas que completaram o pódio. O grande diferencial do bicampeão foi a regularidade e o bom desempenho do quadriciclo, que não apresentou problemas durante o percurso.

Confira o tempo dos primeiros colocados:

A. Patronelli (ARG) – 5h01min51s

M. Patronelli (ARG) – 6h22min08s

Maffei (ARG) – 7h16min12s

Continua após a publicidade
Publicidade