Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Árbitro tenta suicídio e força adiamento de jogo do Campeonato Alemão

Por Da Redação 19 nov 2011, 19h04

(Atualiza com informações e declarações do presidente da Federação Alemã de Futebol, Theo Zwanziger).

Berlim, 20 nov (EFE).- A partida do Campeonato Alemão entre Colônia e Mainz 05, que deveria acontecer neste sábado, foi adiada devido à tentativa de suicídio do árbitro Babak Rafati.

Inicialmente, a informação era de uma ‘indisposição de Rafati’, mas a tentativa de suicídio foi confirmada pela polícia depois de muita especulação na imprensa local.

Rafati foi encontrado na banheira de um hotel com os punhos cortados e foi encaminhado para um hospital. De acordo com as últimas informações, o árbitro está fora de perigo.

O presidente da Federação Alemã de Futebol (DFB), Theo Zwanziger, seguiu para Colônia para acompanhar de perto a situação do árbitro.

Continua após a publicidade

Segundo informações, os assistentes Holger Henschel e Frank Willenburg, que formariam o trio arbitral com Rafati na partida do Campeonato Alemão deste sábado, foram os responsáveis por salvar a vida do juiz.

‘Se via muito sangue’, disse Zwanziger que esteve no local.

Aparentemente, quando Rafati não apareceu no lugar onde devia encontrar seus companheiros, os assistentes entraram no quarto do árbitro e o encontraram na banheira.

Os outros jogos da rodada alemã programados para este sábado aconteceram normalmente, mas o duelo entre Colônia e Mainz 05 teve que ser adiado porque não conseguiram encontrar um sucessor a tempo.

Segundo Zwanziger, na noite anterior Rafati teve um comportamente normal, mas não apareceu para o café da manhã deste sábado, nem no encontro com os assistentes.

Rafati tem 41 anos, é árbitro da Fifa e já apitou 100 partidas da Campeonato Alemão. EFE

Continua após a publicidade

Publicidade