Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Aposentado, Marcos elogia time e começa a traçar futuro no Verdão

Por Da Redação
28 mar 2012, 15h40

Há quase três meses aposentado, o ex-goleiro Marcos visitou a Academia de Futebol do Palmeiras nesta terça-feira. Matando as saudades de sua ‘segunda casa’, o Santo já começa a pensar em seu futuro, agora como embaixador do Verdão. Em seu início nesta carreira, o pentacampeão mundial revelou o projeto junto ao grupo de marketing para aumentar o número de sócios do club

‘A ideia do pessoal do marketing é trabalhar nos projetos de sócio-remido e sócio-torcedor. O clube quer investir nisso, principalmente quando o novo estádio estiver pronto. Vou trabalhar perto do pessoal do marketing, para trazer novos associados ao Palmeiras e fazer uma ‘carteira’ forte de clientes para que ajudem na estrutura e contratação de novos jogadores, para fazer um time forte’, ressaltou o ex-camisa 12, em entrevista ao site oficial do clube.

Embora sinta falta do ambiente palmeirense, Marcos disse estar tranquilo com a aposentadoria, especialmente por conta dos problemas físicos que o atormentavam nas últimas temporadas. ‘Eu não jogo mais e meu joelho ainda dói. Imagina se eu estivesse jogando’, brincou o ex-atleta, que foi peça decisiva na conquista da Copa Libertadores de 1999.

Sem o goleiro, o Verdão foi derrotado apenas uma vez em 2012 – contra o rival Corinthians, no último domingo. Apesar do resultado, que tirou a invencibilidade de 22 jogos da equipe paulista, o ex-jogador, que teve como última conquista pelo Alviverde o título paulista de 2008, aposta no time comandando por Luiz Felipe Scolari.

Continua após a publicidade

Com o terceiro lugar do Palmeiras no Estadual, Marcos considera que sua ex-equipe, a qual joga nesta quarta, contra o Paulista, tem condições de lutar pelo título mais uma vez. ‘Uma derrota para o Corinthians sempre dói mais no torcedor, mas é normal. Não pode por um jogo desconfiar da equipe, que estava numa boa sequência’, contou.

‘Acredito muito no time, o que vale é o mata-mata. A torcida permanece orgulhosa da campanha do time e confiante de que pode ser campeão. Não vai mudar nada, porque o Palmeiras tem plenas condições de conquistar o titulo’, encerrou.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.