Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após vitória, Felipão aponta elenco carente no Palmeiras

Por Daniel Akstein Batista

São Paulo – Uma campanha quase perfeita num torneio e outra cheia de tropeços e com apenas um resultado positivo. O Palmeiras tem provado nessas últimas semanas que não tem elenco suficiente para ir bem em duas competições ao mesmo tempo. E quem diz isso é o próprio técnico Luiz Felipe Scolari.

“Ainda faltam jogadores para termos um elenco como sete ou oito equipes do Brasil, que têm um elenco muito melhor organizado, com jogadores à disposição”, disse o treinador. “A gente sempre fica com dificuldades para não perder algum atleta e no Brasileiro quem leva a vantagem são as equipes que têm mais de 20 jogadores do mesmo nível”, completou.

O elenco nem tão numero em qualidade ficou claro no jogo do último domingo, em que Felipão preferiu arriscar e escalou cinco titulares contra o Figueirense. A vitória por 3 a 1 sobre o rival era necessária para tirar o Palmeiras da penúltima colocação do Brasileiro e o treinador apostou em colocar Barcos no ataque, por exemplo, mesmo com a chance de perdê-lo para a final da Copa do Brasil, quinta-feira, contra o Coritiba. O atacante saiu de campo ileso, mas o zagueiro Maurício Ramos deixou o gramado com dores na coxa esquerda e será reavaliado pelos médicos nesta segunda-feira.

Apesar de admitir que faltam alguns jogadores de qualidade, Felipão aprovou a atuação de alguns reservas contra o Figueirense. E aguarda a chegada do atacante Obina, que deve ser o primeiro reforço para a sequência do Campeonato Brasileiro.

“O Maikon Leite, além de ser um jogador de velocidade, tem desenvolvido a qualidade do cruzamento, da bola parada. E faço elogios ao Fernandinho, que fez uma brilhante partida”, comentou o treinador. “Ainda veremos um ou outro jogador pra saber se dá pra colocar mais em campo.”