Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Após vitória em clássico, Santos tenta manter embalo diante do Coelho

Por Da Redação 21 set 2011, 08h46

Após vencer o clássico com o Corinthians, no último domingo, no Pacaembu, o Santos chegou aos 32 pontos e já começa a sonhar com a briga pelo título brasileiro. Procurando manter o embalo, aproveitando o bom momento vivido no campeonato, o Peixe enfrenta o lanterna América-MG, nesta quarta-feira, às 20h30 (horário de Brasília), no Estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG).

Sem perder há sete jogos, os santistas acreditam que um triunfo sobre o Coelho pode aproximar ainda mais a equipe, que chegou a integrar a zona do rebaixamento, do pelotão de frente do Brasileirão.

‘Temos que dar um passo de cada vez. Primeiro, nós temos que sair da zona intermediária e vencer os jogos para depois pensar no título. Têm times muitos acima da gente na tabela e temos que chegar sem fazer ‘barulho’. Mas, se derem brecha, a gente vai chegando’, afirmou o lateral direito Danilo, que mais uma vez estará diante do clube que o revelou para o futebol.

Danilo foi contratado na metade do ano passado junto ao América-MG e, na Vila Belmiro, conquistou os títulos paulista e da Copa Libertadores da América deste ano – o jogador, inclusive, marcou o gol do título desta última competição.

O lateral destacou o carinho pela sua ex-equipe, mas garantiu que o seu objetivo nesta partida é única e exclusivamente ajudar o Alvinegro Praiano a somar mais três pontos. ‘Tenho um carinho e um respeito enorme pelo América-MG. Fico triste com a situação que eles vivem, porém, eu tenho que pensar no Santos. Com uma vitória nós encostamos ainda mais nos lideres. Sabemos que não vai ser fácil, porque se você analisar, mesmo sem ter vencido, o América-MG tem jogado bem nas últimas rodadas. Vai ser um jogo complicado’, comentou.

Para esse confronto, o técnico Muricy Ramalho deverá escalar a base do time que ganhou o clássico no último domingo. A exceção fica por conta do volante Henrique, expulso contra o Timão, que terá de cumprir suspensão automática neste duelo com os mineiros.

Em compensação, o técnico Muricy Ramalho terá o retorno do volante Arouca. O atleta está recuperado de um edema muscular na região posterior da coxa esquerda e, por isso, está à disposição do treinador para enfrentar o Coelho.

Já os meias Elano e Paulo Henrique Ganso seguem contundidos e em tratamento no departamento médico do Santos, sem uma data prevista para o retorno aos gramados.

Ocupando a última colocação no Campeonato Brasileiro, o América-MG precisa desesperadamente da vitória contra o Santos nesta quarta-feira. Como se já não bastassem os resultados adversos, o técnico Givanildo Oliveira ainda terá dor de cabeça para montar a equipe, isso porque, o Coelho terá seis desfalques para a partida.

Otávio e Amaral receberam o terceiro cartão amarelo no clássico contra o Cruzeiro, no último domingo, e estão suspensos. Os zagueiros Willian Rocha e Gabriel seguem em tratamento no departamento médico e só devem ser liberados na próxima semana.

O volante Dudu, por sua vez, sofreu uma tendinite na coxa direita e foi vetado pelo departamento médico. Já o atacante Alessandro vai ficar fora do time por 20 dias. Ele está com um novo estiramento na parte posterior da coxa direita. Dessa forma, o treinador americano será obrigado a improvisar o volante Glauber na zaga.

Continua após a publicidade

No meio-campo, Givanildo não terá sua dupla titular de volantes, Leandro Ferreira aparece como opção para o setor e deve atuar ao lado do jovem China, destaque do Coelho na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG X SANTOS

Local: Estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG)

Data: 21 de setembro de 2011 (quarta-feira)

Horário: 20h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Assistentes: Júlio César Rodrigues Santos (RS) e Marcelo Bertanha Barison (RS)

AMÉRICA-MG: Neneca; Micão, Anderson e Glauber; Marcos Rocha, Leandro Ferreira, China, Irênio e Gilson; Kempes e André Dias

Técnico: Givanildo Oliveira

SANTOS: Rafael; Danilo, Edu Dracena, Durval e Léo; Adriano, Arouca e Ibson; Alan Kardec, Borges e Neymar

Técnico: Muricy Ramalho

Continua após a publicidade
Publicidade