Clique e assine a partir de 9,90/mês

Após segunda vitória, Atlético-PR acredita na fuga do rebaixamento

Por Da Redação - 31 jul 2011, 20h49

Neste domingo, em uma Arena da Baixada molhada pela chuva curitibana, o lanterna Atlético-PR conseguiu vencer o poderoso Santos, atual campeão da Libertadores da América, por 3 a 2. Esta foi a segunda vitória do time no Campeonato Brasileiro e já é suficiente para os jogadores acreditarem na fuga do rebaixamento.

Na próxima rodada, o time busca o terceiro triunfo no torneio contra o Atlético-GO, no estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO). Por enquanto, os três pontos serviram para tirar o time da lanterna e superar o América-MG, que perdeu do Coritiba.

‘Acredito que podemos fugir porque, se você vir nosso time, temos jogadores de qualidade, que já conquistaram algo no futebol. Quando cheguei, perguntei se o futebol tinha mudado, mas não mudou. Ainda são 11 contra 11’, comentou o meia Marcinho, autor do gol da vitória nos minutos finais da partida. ‘Tem que tentar e o Renato dá essa liberdade’, contou.

De qualquer forma, o jogo preocupou os atleticanos. Após sair à frente no placar com Cleber Santana e Manoel, o Furacão permitiu que o Santos empatasse com Neymar e Borges, e ainda viu o camisa 11 alvinegro colocar a bola no travessão. O medo era que se repetisse a última rodada, quando o time saiu vencendo contra o Ceará, mas tomou a virada.

‘Ficamos muito abalados porque vínhamos bem no jogo e tomamos a virada. Desta vez, conseguimos na raça a vitória e vamos sair dessa situação’, prometeu o goleiro Renan Rocha, que operou uma defesa importante em chute do meia Paulo Henrique Ganso.

Continua após a publicidade
Publicidade