Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após ouvir ‘não’ do Coxa, Furacão busca empréstimo da Vila Capanema

Depois de ouvir um não da diretoria do Coritiba sobre a possibilidade de utilizar o Estádio Couto Pereira durante o Campeonato Paranaense, o presidente do Atlético-PR, Mário Celso Petraglia, já tem um novo alvo: a Vila Capanema. O dirigente esteve na sede do Paraná Clube nesta segunda-feira para conversar sobre um possível empréstimo.

O presidente paransita, Rubens Bohlen, prometeu discutir a proposta, ainda não revelada, com os conselheiros e tomar uma posição, possivelmente ainda nesta terça-feira. Existe interesse por parte do Tricolor, que não disputará a Série Ouro e, portanto, deixará ocioso seu estádio por boa parte do primeiro semestre, perdendo receita.

Caso as partes selem o acordo, o Furacão deve jogar no Durival Britto e Silva na estreia diante do Londrina, no final de semana, mas com uma capacidade reduzida de 10 mil espectadores. Para sua segunda partida como mandante, se o Paraná providenciar a instalação de algumas câmeras de segurança e passe na vistora da Polícia Militar, esse público pode passar de 15 mil pessoas.

Essa nova infra-estrutura também poderia ficar a cargo do Rubro-Negro, que precisará de um local para jogar também a Série B do Campeonato Brasileiro enquanto as obras da Arena da Baixada para a Copa do Mundo de 2012 não terminarem.