Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Após ouro, Mauro Vinícius prega frieza antes de Londres

Por Da Redação 13 mar 2012, 12h34

Por Nathalia Garcia

São Paulo – Campeão mundial indoor no salto em distância no fim de semana, Mauro Vinícius da Silva quer manter a cautela antes de iniciar sua preparação para os Jogos Olímpicos de Londres, no final de julho. O saltador surpreendeu no Mundial de Istambul, na Turquia, ao ser o único brasileiro a subir ao pódio.

“[O título mundial] Serve como cartão de visita, dá mais respeito ao salto em distância. Mas chegando em Londres tenho que esquecer o que passou. Preciso melhorar sempre e tenho que ter frieza”, afirmou o brasileiro, após desembarcar em São Paulo, nesta terça-feira.

Mauro Vinícius, também conhecido por Duda, acredita que enfrentará adversários mais competitivos em Londres, mas descartou se sentir intimidado pelos “grandes campeões”. “Agora tenho que esquecer o Mundial e pensar nos Jogos Olímpicos. Lá terão grandes campeões. Mas procuro não me preocupar com quem esteja na prova. Minha principal adversária é a trena”.

Em Londres, o brasileiro projeta superar a marca de 8,40 metros, acima do 8,23m com o qual venceu o Mundial. Para tanto, Mauro Vinícius pretende dar maior atenção à corrida que precede o salto e aumentar a intensidade dos treinos após o Troféu Brasil, em junho.

CIRURGIA – O saltador revelou nesta terça que precisou superar uma operação no ligamento cruzado do joelho direito, realizada em fevereiro de 2011, para conseguir chegar ao ouro em Istambul.

“Tive uma recuperação excelente, em tempo recorde. Há um ano eu achei que não ia mais saltar. Mas fui voltando a andar, retomei os treinos e avisei pro Tide (o técnico Aristides Junqueira) que iria voltar melhor”, declarou Mauro Vinícius. Sete meses depois da cirurgia, ele conquistou o índice olímpico.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)