Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Após gol salvador, Love cobra vitória do Flamengo no Rio

Por Da Redação 7 jun 2012, 12h02

Por AE

Campinas – Depois de marcar o gol que salvou o Flamengo da derrota para a Ponte Preta e decretou o placar de 2 a 2 na noite da última quarta-feira, em Campinas, Vágner Love festejou o seu feito, mas afirmou não ter ficado plenamente contente com o resultado e já cobrou uma vitória do time carioca no duelo de sábado, contra o Coritiba, às 18h30, no Engenhão, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

“O Negueba foi muito feliz no cruzamento e eu, mais uma vez, tive a oportunidade de marcar e ajudar o Flamengo, mesmo não sendo o resultado que nós queríamos, que era a vitória”, afirmou o atacante, se referindo à cobrança de escanteio que originou o seu gol de cabeça.

Em seguida, o jogador enfatizou que o Flamengo precisa cumprir o seu “dever de casa” no sábado, quando buscará a sua primeira vitória neste Brasileirão após acumular empates nas três primeiras rodadas do torneio. “Agora temos que pensar no Coritiba. Precisamos fazer valer o mando de campo e conseguir os três pontos no Engenhão”, completou.

Já o meia Renato Abreu, que iniciou na última quarta-feira a sua primeira partida como titular desde quando passou por uma cirurgia cardíaca, comemorou o belo gol de falta que marcou e também o fato de o Flamengo ter conseguido evitar a derrota no finalzinho do confronto.

“Jogar contra a Ponte aqui (em Campinas) é sempre difícil. Saímos atrás, mas tive a felicidade de fazer o gol e depois a Ponte ficou na frente de novo. Ainda bem que voltamos a conseguir o empate no final”, enfatizou o meio-campista, que neste ano ficou quase 40 dias afastado dos gramados por conta de uma arritmia cardíaca, diagnosticada no início de março.

Continua após a publicidade
Publicidade