Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Após empate em estreia, África do Sul demite técnico

Por Da Redação 5 jun 2012, 09h46

Por AE-AP

Johannesburgo – Bastou um empate em casa na estreia das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no último domingo, para a África do Sul decidir demitir o técnico Pitso Mosimane. O anúncio da demissão foi feito nesta terça-feira pela SAFA, entidade que controla o futebol do país, depois de os mandatários da mesma convocarem uma reunião de emergência na última segunda à noite.

A Associação de Futebol da África do Sul (SAFA, na sigla em inglês) anunciou que a saída do comandante foi definida de forma “amigável” entre as duas partes, dois dias depois da seleção sul-africana ter empatado por 1 a 1 com a Etiópia, em Rustemburgo, onde o time da casa só garantiu a igualdade no placar aos 35 minutos do segundo tempo.

Mosiname foi auxiliar do técnico Carlos Alberto Parreira na Copa do Mundo de 2010, na qual a anfitriã África do Sul foi eliminada já na primeira fase. Ele chegou a obter um início promissor no cargo, mas ainda não conseguiu se recuperar da vergonha de não ter entendido como deveria as regras das Eliminatórias da Copa Africana de Nações.

Ele viu a sua seleção comemorar um empate por 0 a 0 com Serra Leoa, em casa, quando na realidade a equipe sul-africana precisava vencer para se classificar para a competição continental que foi realizada no Gabão e em Guiné Equatorial, entre o final de janeiro e o início de fevereiro

Desde então, a África do Sul empatou seis de sete jogos e perdeu um duelo para o Zimbábue. Já no último domingo, o país jogou para um público de apenas cerca de 5 mil pessoas no Royal Bafokeng Stadium, que tem capacidade para mais de 30 mil torcedores e foi um dos palcos da Copa do Mundo de 2010, em Rustemburgo.

Após o confronto de domingo, Mosiname admitiu que precisava “aceitar a realidade” de que a seleção sul-africana não progrediu suficientemente, apesar de ter acesso a melhor recursos do que a maioria dos outros países da África.

Além de confirmar a demissão de Mosiname, a SAFA anunciou que o auxiliar do treinador, Steve Komphela, assumirá o cargo interinamente. A entidade pediu apoio dos torcedores locais ao novo comandante, que terá como primeiro desafio o duelo contra Botsuana, fora de casa, no próximo sábado, pelas Eliminatórias da África.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês