Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após decepções, Flamengo pensa em apostas para reagir no Brasileiro

No dia 22 de abril, o Flamengo foi eliminado do Campeonato Carioca pelo Vasco. Como já tinha saído da Copa Libertadores de maneira precoce, ainda na fase de grupos, só restou ao elenco esperar pela estreia no Campeonato Brasileiro, que acontecerá neste sábado, às 18h30 (de Brasília), contra o Sport, na Ilha do Retiro. Passados 22 dias daquele tropeço contra os vascaínos, porém, o clube pouco se movimentou para mudar o elenco do técnico Joel Santana.

Para boa parte da torcida do Flamengo, as preocupações aumentaram, pois peças importantes estão deixando a Gávea sem reposição à altura. O volante Willians foi negociado com a Udinese, da Itália. Já o lateral esquerdo Junior Cesar sequer vem treinando com o grupo, pois está em negociação para disputar o Brasileirão pelo Atlético-MG.

A única contratação foi o lateral direito Wellington, que se destacou pelo Resende no Campeonato Carioca e que chega à Gávea para ser reserva de Leonardo Moura, já que Galhardo, assim como o zagueiro David Braz, está sendo negociado com o Santos, em uma transferência que vai fazer de Ibson o primeiro reforço de peso para o Brasileiro.

Outra situação resolvida foi a prorrogação do contrato do volante Aírton, que ficará no clube até junho de 2013 com o aval do Benfica, de Portugal, dono de seus direitos federativos. O jogador, porém, não vinha rendendo o esperado e está sem atuar desde fevereiro por conta de uma cirurgia causada devido a uma fratura no pé esquerdo.

Também contratado, o volante Victor Cáceres, que está defendendo o Libertad na Copa Libertadores, será apresentado tão logo termine a participação do clube paraguaio na competição continental.

Os reforços sonhados e desejados pelos torcedores estão longe do clube. A chegada de dois zagueiros, prioridade pela diretoria, sequer tem previsão, pois os procurados foram sendo descartados aos poucos, como Juan, da Roma, e Naldo, atualmente no futebol alemão. O uruguaio Victorino, que chegou a ser dado como certo, não chegou a um acerto, na negociação que levaria o meia Bottinelli para o Cruzeiro.

Para o ataque, os dirigentes sonham com Nilmar, que deverá sair do Villarreal, rebaixado para a Segunda Divisão do Campeonato Espanhol. A realidade, porém, é de Adriano, que passou por nova cirurgia no tendão de Aquiles do pé esquerdo e ainda realiza trabalhos apenas com os fisioterapeutas do clube.

Por conta de alguns desfalques importantes, o Rubro-negro deverá atuar com uma formação desfigurada. O goleiro Felipe, recuperando-se de um quadro de dengue, e o meia Renato Abreu, suspenso por ter sido expulso na última rodada do ano passado, no empate por 1 a 1 com o Vasco, ficam fora, assim como Aírton, que ainda não tem condições de atuar por 90 minutos.

Paulo Victor vai jogar no gol, na vaga de Felipe, enquanto que a lateral esquerda ficará com a aposta Magal. A zaga terá o contestado Welinton, e o meio-campo conta com Luiz Antonio e Kléberson na proteção aos zagueiros. As esperanças, mais uma vez, estarão na dupla Vágner Love e Ronaldinho Gaúcho.

Pelo que se viu nos últimos treinos, Joel Santana mandará a campo a seguinte escalação: Paulo Victor; Leonardo Moura, Welinton, Marcos González e Magal; Luiz Antônio, Kléberson, Bottinelli e Ronaldinho Gaúcho; Deivid e Vagner Love.