Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Andrés ‘assedia’ Kleber, mas ouve de Tirone: ‘Quero o Liedson’

Maiores rivais em campo, Corinthians e Palmeiras adotaram um clima amistoso nesta terça-feira, no encontro de seus presidentes em um seminário sobre gestão esportiva na capital paulista. Bem humorado, o corintiano Andrés Sanchez chegou a falar ao palmeirense Arnaldo Tirone que contrataria Kleber, atacante que permanece afastado no Palestra Itália por um problema com o técnico Luiz Felipe Scolari.

‘Vou dar um furo de reportagem, vou contratar o Kleber’, brincou Andrés Sanchez, durante a sua palestra na Escola Trevisan. De forma imediata, o alvinegro ouviu uma resposta de Tirone. ‘Me dá o Liedson em troca’.

Em contrapartida, Andrés Sanchez fez questão de dar um aviso ao ‘amigo’ Arnaldo Tirone: a possibilidade de o Palmeiras perder Kleber na Justiça do Trabalho. Aliás, o Gladiador já fez consultas ao Sindicato dos Atletas Profissionais de Sâo Paulo sobre a obrigação de treinar separado do grupo alviverde.

‘O contrato não diz que o Kleber deve ser titular, mas se der bobeira, o Palmeiras perde o jogador e ainda precisa pagar uma grana. Isso aconteceu com o Corinthians, com o Nilmar e o Felipe. Aí falam em assédio moral, achei que isso era coisa só de homem e mulher. No caso do Felipe, eu mesmo tive de voltar atrás’, comentou o mandatário alvinegro.

Arnaldo Tirone assegura que está atento sobre a possibilidade de Kleber buscar a quebra de contrato na Justiça. O presidente alviverde diz que vai esperar ‘baixar a poeira’ para definir a situação do atleta.