Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

André Brasil leva o ouro no Mundial Paralímpico de Natação

Torneio começou nesta segunda-feira, com várias medalhas para o Brasil

Na segunda-feira, o Brasil conquistou várias medalhas no Mundial Paralímpico de Natação, em Montreal (Canadá). Nos 50 metros borboleta masculino s5, Daniel Dias completou a prova em 34s78 e ficou com a medalha de prata, sendo superado pelo americano Roy Perkins, que cravou 34s55. Já André Brasil conquistou o ouro nos 100 metros livre s10, ao completar a prova em 51s57. Phelipe Rodrigues fez uma dobradinha no pódio, ao ficar com o bronze (53s40). A prata ficou com o americano Ian Silverman (53s23).

Leia também:

​Caixa reforça apoio aos paralímpicos com R$ 120 milhões

Rio cria primeiro centro para treinar atletas paralímpicos

Daniel Dias não saiu contente da piscina: “Minha saída não foi boa, fui muito para o fundo e quando fui dar a primeira braçada, não saiu legal. É o primeiro dia, e tenho muitas provas ainda. Agora é descansar, que na terça-feira já tem os 200m livre, para dar a volta por cima”.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Na prova feminina dos 50 m borboleta s5, Joana Silva, a Joaninha, terminou com o bronze, após concluir a prova em 46s76. Lembrando-se da preparação, quando teve que ficar longe de sua filha, a brasileira se emocionou. “Bateu saudade de casa, da minha filha. É nela que penso quando estou nadando. Geralmente não nado bem na minha primeira prova, mas essa medalha no primeiro dia foi a melhor coisa que me aconteceu.” Nos 400 m livre s 6, Susana Ribeiro garantiu mais uma medalha para o Brasil e saiu da piscina com o bronze.

(Com agência Gazeta Press)