Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Americana bate Vila Nova com reservas e mantém chances de acesso

Por Da Redação 19 nov 2011, 18h14

Após dar férias a seus jogadores titulares e descartar qualquer chance de acesso para a primeira divisão nacional, o Americana obteve sua primeira vitória sob o comando de Roberto Fernandes neste sábado, quando derrotou o já rebaixado Vila Nova por 2 a 1, com gols de Charles e Gercimar (Ricardinho descontou para os goianos).

Com o resultado o time paulista, que vinha de três empates e duas derrotas com o novo treinador, chegou aos 56 pontos e atingiu a sétima colocação no Campeonato Brasileiro da Série B. Curiosamente, devido às derrotas de Bragantino e Vitória, o time ainda tem possibilidade matemática de subir para a Série A. Já o Vila Nova permaneceu com 32 pontos, na mesma 18posi8ção.

Na última rodada da Série B, no próximo sábado, às 17 horas (de Brasília), o Americana vai a Natal para enfrentar o ABC, enquanto o rebaixado Vila Nova recebe o Sport em sua despedida da Série B.

O jogo – Com poucas chances durante toda a temporada, os reservas do Americana entraram em campo para mostrar serviço para o técnico Roberto Fernandes, que vai permanecer no comando da Águia em 2012.

A falta de motivação do adversário também contribuiu para que o Americana tomasse as rédeas ofensivas e passasse a criar chances de gol. A primeira delas ocorreu aos oito minutos, quando André Luiz tabelou com Anderson e bateu cruzado com perigo para a meta colorada.

Aos 18, o domínio da Águia se transformou em vantagem no placar. Em jogada pela direita, o lateral Luiz Felipe cruzou, Jônatas finalizou e Luís Cetim rebateu. Na sequência a bola sobrou para Charles, que concluiu para o fundo do gol.

Após abrir o placar o Americana teve uma grande chance para ampliar a vantagem no placar, mas Luís Cetim fez grande defesa para evitar um gol de cabeça do zagueiro Hélton.

Depois desse lance o Vila Nova cresceu na partida e chegou ao empate aos 31 minutos, com a ajuda do goleiro Saulo. Em chute despretensioso de Ricardinho, de longa distância, o arqueiro do Americana falhou feio e aceitou o tento de empate.

Na volta para o segundo tempo o Americana precisou de apenas dois minutos para voltar a ficar em vantagem no placar. Após cobrança de escanteio de Válber Gercimar cabeceou para marcar o segundo gol do time da casa e definir o placar final.

Continua após a publicidade

Publicidade