Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Alonso e Vettel: cautela com a decisão no domingo

Por Da Redação 22 nov 2012, 16h01

A partir desta sexta-feira às 10 horas, quando começam os treinos livres para o GP Brasil, neste domingo, começa a ser definido o novo tricampeão da Fórmula 1. O alemão Sebastian Vettel, da RBR, tem treze pontos à frente do espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, e mais tranquilidade para levar o título. Apesar disso, os dois pilotos adotaram um discurso de cautela. “Precisamos o máximo de pontos. O que acontece na Red Bull não está em nossas mãos e temos pouco a perder. Sei que preciso de uma combinação de resultados para ser campeão. Se não ganhar, vou dar os parabéns ao Sebastian e tentar de novo no ano que vem”, disse Alonso.

Leia também: Decisão da F1 em São Paulo deve ter chuva no domingo “Temos de ter cuidado. O fim de semana começa amanhã e não no domingo. Temos de ir passo a passo para obter o melhor resultado possível”, disse Vettel, apesar de a Red Bull ter vencido as três últimas provas em São Paulo. “Historicamente fomos rápidos aqui, mas sabemos que é um circuito onde muitas coisas podem acontecer.” Leia também: BBC elege Ayrton Senna o melhor piloto de todos os tempos

Fernando Alonso fez um balanço positivo do ano. “Estamos trabalhando duro, foi uma temporada difícil, porque os primeiros meses não foram como esperávamos. Quando colocamos o carro no circuito pela primeira vez, em Jerez (Espanha), estávamos dois segundos atrás do melhor e não entendíamos como o carro funcionava.” Leia também: Para Schumacher, Brasil é o ‘lugar certo’ para se despedir

No domingo, Vettel garante o título chegando em terceiro lugar. Caso Alonso vença, o alemão precisa chegar, pelo menos, em terceiro. Se o espanhol for o segundo, o piloto da Red Bull é campeão terminando em sétimo. Caso Fernando Alonso terminar em terceiro, Sebastian Vettel não pode pontuar. (Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade