Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aliviados, Osvaldo desabafa e Rogério ironiza Ronaldinho

'Quem não acreditava quebrou a cara', diz atacante no Twitter. Irritado após Gaúcho falar em 'treino', goleiro lembra que ele poderá 'não brincar' nas oitavas

Nem mesmo o técnico Ney Franco economizou nas palavras: ‘Estou com um prazer enorme, estou eufórico. Estou muito satisfeito e vou comemorar muito pela madrugada, com minha esposa’

O São Paulo não teve uma noite movimentada apenas dentro de campo nesta quarta-feria, durante a elogiada atuação da equipe na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG, no Morumbi. O resultado, que garantiu o clube na próxima fase da Copa Libertadores graças também à derrota por 2 a 1 dos bolivianos do Strongest para o Arsenal de Sarandí, na Argentina, motivou declarações fortes dos principais nomes do elenco, que foi à forra depois de estar desacreditado e a um passo da eliminação do torneio continental, já que o São Paulo precisava de uma combinação de resultados para avançar.

Leia também:

São Paulo vence o Atlético-MG e renasce na Libertadores

Osvaldo resumiu o sentimento dos jogadores do time do Morumbi: “Quem não acreditava quebrou a cara”, escreveu no Twitter o atacante, autor dos passes que resultaram nos dois gols da equipe tricolor. O primeiro deles deixou Aloísio na cara do gol – o centroavante sofreu pênalti e Rogério Ceni abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo. O segundo toque encontrou Ademílson na área sem marcação aos 37 minutos da etapa final, e ele selou a vitória e a emocionante classificação para delírio dos mais de 50.000 torcedores nas arquibancadas.

O capitão tricolor, a propósito, deu as declarações mais concorridas da noite, não à toa. Primeiro Rogério exaltou a atuação de Paulo Henrique Ganso, eleito por ele o melhor em campo. “‘Você foi o melhor do jogo. Agora eu entendo por que você vale o que vale”, disse o goleiro ao meia contratado por 24 milhões pelo São Paulo. “Dois caras foram especiais: o torcedor e o meu camisa 8”, Rogério voltou a elogiar Ganso, que soube distribuir a bola no meio-campo e deu um belo lançamento para Osvaldo na origem do segundo gol, apesar de ter ficado apagado em alguns momentos.

Mas a principal declaração de Ceni acabaria sendo uma troca de farpas com Ronaldinho Gaúcho, que no intervalo da partida, ao ser informado que o Arsenal de Sarandí vencia por 1 a 0 e estava ficando com a vaga que seria do São Paulo, declarou: “Para falar a verdade, não estou preocupado. Isso tudo pra gente é um grande treino para a próxima fase”.

Galeria de fotos: São Paulo vence o Atlético Mineiro por 2 a 0 e avança às oitavas

Ao saber do menosprezo de Ronaldinho pelo jogo no Morumbi, Rogério ironizou: “Se ele veio para brincar, vai ter a oportunidade de jogar para valer na próxima”, disse o goleiro sobre o confronto do São Paulo com o próprio Atlético-MG nas oitavas de final da Libertadores (o time mineiro fez a melhor campanha e o paulista acabou como pior segundo colocado, forçando o cruzamento).

Euforia – A noite do São Paulo foi tão especial que nem mesmo o técnico Ney Franco economizou nas palavras. Depois da partida no Morumbi, o treinador comemorou a atuação de sua equipe e revelou que aproveitaria a alegria para namorar nas horas seguintes. “Estou com um prazer enorme, estou eufórico. Sei controlar a euforia, da mesma forma que controlo minha frustração. Mas estou muito satisfeito e vou comemorar muito pela madrugada, com minha esposa”, brincou Ney.

Haverá tempo de sobra para o técnico desfrutar de seu “enorme prazer”. O elenco são-paulino só retorna aos trabalhos na tarde de sexta-feira, quando as atenções se voltam para o Campeonato Paulista – no domingo, o time enfrenta o Mogi Mirim, provavelmente com reservas, pois já detém antecipadamente a primeira posição da fase de classificação.

Quanto à Libertadores, as datas das oitavas de final ainda não estão confirmadas pela Conmebol. Sem pressa, Ney Franco lembrou que a felicidade do São Paulo só foi possível também por causa do resultado do jogo em Buenos Aires. “A gente poderia estar falando dessa excelente vitória de hoje (quarta-feira), mas ao mesmo tempo com uma ducha fria pela desclassificação se o resultado da Argentina tivesse sido outro. Mas foi uma noite perfeita”, festejou.

(Com Gazeta Press)