Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Alexandre Kalil se reúne com a Minas Arena para discutir jogos do Ga

Assim como o Cruzeiro, a diretoria do Atlético-MG também se reuniu nesta sexta-feira com a empresa Minas Arena, responsável pelas obras e administração do Mineirão, para discutir as condições para que o Galo possa jogar no estádio. Estiveram presente na reunião, o presidente da Minas Arena, Ricardo Barra, o secretário extraordinário da Copa do Mundo em Minas Gerais, Sérgio Barroso, e o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil.

‘Foi uma primeira reunião e foi muito boa. Está ficando uma beleza o Mineirão. Quero deixar claro aqui que não tem briga, não tem nada. A mesma oferta que foi feita para o Cruzeiro foi feita para o Atlético-MG. É a mesma para os dois times. Estamos andando junto, mas vendo os nossos interesses, o que é melhor para o Atlético-MG’, declarou Kalil.

Polêmico como sempre, Alexandre Kalil não perdeu a oportunidade de alfinetar o rival Cruzeiro, ao citar a força da torcida atleticana. ‘A torcida do Atlético-MG pode ver o Mineirão como uma casa viável para o Atlético-MG. A Minas Arena precisa viabilizar com os grandes times para que o Mineirão seja rentável. E ninguém abre mão da maior torcida do mundo. Você pode abrir mão da melhor, mas não da maior’, alfinetou.

Kalil ainda brincou ao dizer que além do Independência, a torcida do Galo poderá ter também o Mineirão como casa do Atlético-MG. ‘Conheci o pessoal da Minas Arena e eles mostraram o interesse em contar com a maior torcida de Minas. Um estádio só é pouco para a maior torcida de Minas, então vamos negociar para ter os dois estádios para a torcida do Atlético-MG’, disse.