Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Alemanha perde para Suíça em jogo de 8 gols e ‘revive’ estreia em 1908

Berlim, 26 mai (EFE).- A seleção da Alemanha voltou no tempo 104 anos neste sábado em amistoso contra a Suíça, na Basileia, e reviveu o panorama da primeira partida oficial de sua vitoriosa história: uma derrota por 5 a 3 para o mesmo adversário e na mesma cidade em 1908.

Desta vez, o amistoso servia para os alemães como preparação para a Eurocopa – tanto que o técnico Joachim Löw aproveitou a oportunidade para testar vários jogadores pouco utilizados por ele recentemente. Já os suíços tinham como objetivo começar a montar a base que vai disputar as Eliminatórias para a Copa de 2014, pois estão fora do torneio continental.

O maior destaque da partida vestia a camisa da seleção da casa e é um grande conhecedor do futebol alemão. O atacante Eren Derdiyok, que de 2009 até o ano passado defendeu o Bayer Leverkusen e agora está no Hoffenheim, marcou os três primeiros dos cinco gols suíços. Os outros foram de Stephan Lichtsteiner e Admir Mehmedi. Para a Alemanha marcaram Mats Hummels, Andre Schürrle e Marco Reus.

Claramente desentrosada devido às experiências de Löw – entre elas a utilização do meia ofensivo Mario Götze como volante -, a Alemanha foi envolvida pelos anfitriões, e apesar de ter subido de produção no segundo tempo, não conseguiu evitar a derrota.

A seleção tricampeã mundial não contou com jogadores do Bayern de Munique, como o meia Bastian Schweinsteiger e o goleiro Andreas Neuer, que ganharam folga após a final da Liga dos Campeões. No entanto, teve em campo alguns titulares habituais, entre eles o meia Mesut Özil, do Real Madrid.

O atacante brasileiro naturalizado alemão Cacau entrou no segundo tempo no lugar de Miroslav Klose aos 33 minutos e foi muito vaiado após desperdiçar um contra-ataque no fim da partida.

Ficha técnica:.

Suíça: Benaglio; Lichtsteiner, Senderos, Ziegler e Von Begen; Barnetta (Stocker), Inler, Mehmedi e Gelson Fernandes (Djourou); Xhaka (Wiss); Derdiyok. Técnico: Ottmar Hitzfeld.

Alemanha: Stegen; Höwedes (S. Bender), Mertesacker, Hummels e Schmelzer; Khedira (Gündogan), Götze, Schürrle e Özil (Reus); Podolski (Draxler) e Klose (Cacau). Técnico: Joachim Löw.

Gols: Derdiyok (3), Lichtsteiner e Mehmedi (Suíça); Hummels, Schürrle e Reus (Alemanha).

Árbitro: Antony Gautier (França).

Cartões amarelos: Inler (Suíça) e Hummels (Alemanha). EFE