Clique e assine a partir de 9,90/mês

Alemanha arrasa Portugal por 4 a 0 em Salvador

Com três gols, atacante alemão Müller, de 24 anos, ofusca o irreconhecível Cristiano Ronaldo na quente tarde na Fonte Nova

Por Da Redação - 16 jun 2014, 14h52

A Alemanha venceu Portugal por 4 a 0 nesta segunda-feira na Fonte Nova, em Salvador, na estreia das duas seleções no grupo G. Três dos quatro gols saíram no primeiro tempo – no segundo, os alemães apenas controlaram o placar e o desgaste dos 30 graus da tarde baiana.

Quem esperava grande atuação de Cristiano Ronaldo, irreconhecível e muito vaiado, aplaudiu Thomas Müller. Autor de três gols, o atacante alemão de 24 anos chegou ao oitavo em Copas. Sozinho, tem mais em Mundiais que Messi, Neymar e Cristiano Ronaldo juntos (dois, cada).

Leia também:

Em Manaus, o magnetismo de Balotelli, o novo rei da selva

A tecnologia entrou em campo, mas pode ajudar muito mais

Na TV, os jogadores da seleção trocam a Globo pela Band

A partida começou com ambas as equipes no ataque e vantagem alemã. Aos 8 minutos, Khedira chutou para fora com o gol livre. Aos 12, o árbitro sérvio Milorad Mazic marcou pênalti do zagueiro Pereira no atacante Götze em lance protestado pelos portugueses. Müller anotou o primeiro – forte, rasteiro, no canto direito do goleiro.

O jogo seguiu dominado pela Alemanha, que em quatro minutos ampliou o placar (aos 32, na cabeçada de Hummels) e contou com a expulsão (aos 36) do zagueiro português Pepe. Ele acertou uma cabeçada em Müller, caído no chão depois de disputa de bola. Entregue, Portugal sofreu mais um gol aos 45 minutos – de novo com Müller, em má rebatida do zagueiro Bruno Alves.

Dominando a seleção portuguesa, a Alemanha diminuiu o ritmo e fez valer o jogador a mais em campo para controlar a partida. Mesmo assim, chegou ao quarto – com Müller – aos 23 minutos, em falha do goleiro português Rui Patrício.

Continua após a publicidade

Preocupada em não sofrer mais gols, o que a deixaria em má situação no saldo e na disputa contra as outras equipes do grupo G, Portugal recuou. E viu isolados esforços de Cristiano Ronaldo. Com dores no joelho esquerdo, ele ainda tentou, em vão, diminuir o vexame da seleção portuguesa.

Leia também:

Cristiano Ronaldo: ‘Queria estar sem dor, mas isso é impossível’

Cristiano Ronaldo deixa treino de Portugal com gelo no joelho

Portugal goleia a Irlanda com atuação de gala de Cristiano

Alemanha conclui alojamento na Bahia – em cinco meses

Para técnico Löw, Alemanha não é tão boa quanto parece

A partida de Salvador foi a centésima da Alemanha em Copas – a equipe europeia é a recordista neste item, seguida pelo Brasil (98). A goleada colocou a Alemanha também em destaque na artilharia dos Mundiais. Eles agora somam 210 gols, contra 213 dos brasileiros.

Outra curiosidade diz respeito às estreias da Alemanha, com goleadas nas últimas três Copas. Em 2010, venceu a Austrália por 4 a 0; em 2006, 4 a 2 na Costa Rica. Em 2002, fez 8 a 0 na Arábia Saudita.

A Alemanha agora enfrenta Gana no sábado, às 16 horas, em Fortaleza. Portugal jogará contra os Estados Unidos no dia seguinte, às 18 horas, em Manaus.

Continua após a publicidade
Publicidade