Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Agora, Diego Maradona procura emprego na China

Desde que foi demitido do Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, em julho, Diego Maradona viaja pelo mundo e, em recente passagem pela China, declarou que se recebesse uma proposta trabalharia no país. “Eu gostaria de contribuir para o desenvolvimento do futebol da China”, disse Maradona, ao jornal China Daily. De acordo com o jornal, Maradona vai se encontrar com Wei Di, presidente da Associação Chinesa de Futebol.

A China tem realizado altos investimentos para promover seu futebol e já contratou várias estrelas. O Shanghai Shenhua, dirigido pelo argentino Sergio Batista, se reforçou com os atacantes Nicolas Anelka e o marfinês Didier Drogba (ambos ex-Chelsea). E o Guangzhou Evergrande tem como treinador o italiano Marcello Lippi.

Acervo digital – Maradona: altos e baixos na carreira do camisa dez

(Com Agência Estado)