Clique e assine com 88% de desconto

Aberto da Austrália: Serena Williams é eliminada e Wozniacki se aposenta

Em busca de seu 24º título de Grand Slam, americana de 38 anos perdeu para a chinesa Qiang Wang

Por AFP - Atualizado em 24 jan 2020, 10h18 - Publicado em 24 jan 2020, 10h17

O sonho de conquistar o 24º título de Grand Slam terminou cedo para Serena Williams. A americana, 9ª tenista do ranking mundial, foi eliminada na 3ª rodada do Aberto da Austrália pela chinesa Qiang Wang (29ª) em três sets, parciais de 6/4, 6/7 (2/7) e 7/5, nesta sexta-feira, 24.

Serena, de 38 anos, heptacampeã do torneio australiano, cometeu inúmeros erros não forçados (56 contra 20 de Wang) diante de uma adversária muito sólida e deu adeus ao torneio. Serena não perdia tão precocemente em Melbourne desde 2006, sendo que não disputou o torneio em 2011 e 2018.

Adeus de Wozniacki

Na oitavas de final, Wang enfrentará a tunisiana Ons Jabeur (78ª), que também foi responsável por uma zebra ao eliminar a ex-número 1 do mundo dinamarquesa Caroline Wozniacki, parciais de 7/5, 3/6 e 7/5.

Publicidade

Wozniacki, de 29 anos, já havia anunciado que se aposentaria das quadras ao fim da campanha no Aberto da Austrália. Assim, a dinamarquesa se despede do tênis levando na bagagem 30 títulos conquistados, sendo um Grand Slam australiano (2018), e o feito de ter ficado 71 semanas no topo do ranking mundial.

“O que conquistei nas quadras é incrível. O apoio do meu pai, que me treinou todos esses anos… São algumas das lembranças que sempre terei. Eu choro, mas estou feliz”, declarou Wozniacki antes de deixar a Margaret Court pela última vez.

Caroline Wozniacki posa com seu pai e treinador Piotr Wozniacki
Caroline Wozniacki se emocionou ao se despedir ao lado do pai e treinador Piotr Wozniacki Mark Kolbe/Getty Images
Publicidade