Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

6 Horas de SP tem vitória da Porsche e batida de Webber

Com falha em sua Ferrari, Emerson Fittipaldi teve desempenho comprometido

Por Da Redação 1 dez 2014, 07h06

O Autódromo de Interlagos recebeu no domingo as 6 Horas de São Paulo. O trio da Porsche, formado por Romain Dumas, Neel Jani e Marc Lieb, venceu na classe LMP1. O australiano Mark Webber, ex-piloto da Red Bull na Fórmula 1, sofreu um forte acidente, enquanto o astro veterano Emerson Fittipaldi teve problemas em seu retorno às pistas. Dono de dois títulos mundiais na Fórmula 1, Emerson, 67 anos, voltou a disputar uma corrida oficial, mas não teve vida fácil: o câmbio de sua Ferrari F458 falhou e o brasileiro teve seu desempenho na categoria GTE Am bastante comprometido. Alessandro Pier Guidi e Jeffrey Segal foram os companheiros de equipe do brasileiro, que jamais havia disputado uma prova com uma Ferrari – o trio ficou no penúltimo posto.

Na categoria principal, a última rodada de paradas foi fundamental na definição da corrida. De maneira arrojada, a Porsche resolveu não trocar pneus no pit-stop final. Mark Webber, então sexto colocado, sofreu um grave acidente na Curva do Café, mesmo local em que bateu no Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 de 2003. O ex-piloto foi conduzido ao centro médico, mas o acidente não teve consequências graves. O carro de segurança foi acionado e ficou na pista até o final da prova em Interlagos, o que ajudou Dumas, Jani e Lieb. As 6 Horas de São Paulo ainda marcaram o final da premiada trajetória de Tom Kristensen, um dos principais nomes do endurance. Ao lado de Loic Duval e do brasileiro Lucas di Grassi, o piloto dinamarquês terminou a corrida na terceira colocação.

(Com agência Gazeta Press)

Publicidade