Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

100% no Heriberto Hulse, Criciúma tenta frear a reação do Goiás

Depois de alcançar uma trinca de vitórias na Série B do Brasileirão, o Criciúma caiu diante do América-MG e saiu das primeiras colocações. A equipe, contudo, tem a chance de se recuperar neste sábado, quando enfrenta o Goiás às 16h20 (de Brasília) no seu melhor palco até aqui: o Heriberto Hulse.

Atuando em casa, o Tigre goleou o Guaratinguetá e venceu o Vitória nesta Série B. No Campeonato Catarinense, o aproveitamento também foi bom: só duas derrotas diante da torcida.

Mas o Heriberto Hulse não é o que mais empolga o Criciúma. As últimas contratações deixam o clube empolgado para a sequência da competição. Contudo, tanto Rodrigo Possebon quanto Valber ainda devem aguardar para fazerem sua estreia com a camisa tricolor.

No Goiás, o otimismo é o mesmo. Depois de ser eliminado da Copa do Brasil diante do São Paulo e estrear na Série B com derrota por 5 a 2 para o América-RN, a equipe de Enderson Moreira conseguiu se recuperar e não perdeu mais: foram dois empates e duas vitórias consecutivas, que já deixam o clube a dois pontos do Criciúma na tabela de classificação.

Apesar de nunca ter vencido no Heriberto Hulse (três derrotas e um empate em toda a história), o Goiás vai confiante para Santa Catarina. ‘Nós temos que manter nosso padrão de jogo e fazer o que estamos fazendo nas últimas partidas. Vencer fora de casa é muito importante, mas, se não der para vencer, também não podemos perder. Pelo menos um ponto temos que trazer’, declarou o volante Thiago Mendes.FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA X GOIÁS

Local: Heriberto Hulse, em Criciúma (SC)

Data: 9 de junho de 2012, sábado

Horário: 16h20 (de Brasília)

Árbitro: Francisco de Assis Almeida Filho

Assistentes: Marcos da Silva Brigido e Armando Lopes de Souza

CRICIÚMA: Dogulas Leite; Ezequiel, Matheus Ferraz, Nirley e Wilians Simões; Diego Oliveira, Fransérgio, Kleber e Lucca; Gilmar e Zé Carlos

Técnico: Paulo Comelli

GOIÁS: Harlei; Vitor, Rafael Tolói, Ernando e Egídio; Amaral, Thiago Mendes, Davi e Ramon; Ricardo Goulart e Iarley

Técnico: Enderson Moreira