Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Zac Efron conta que seu primeiro teste foi um desastre

Nem tudo foi fácil na carreira de Zac Efron, o astro da série de filmes High School Musical. O ator, de 22 anos, admitiu recentemente à imprensa britânica que seu primeiro teste profissional para um papel foi “o pior teste de sua vida”. A auto-confiança e a falta de prática atrapalharam seu desempenho. “Depois que fui dispensado, chorei um pouco”, contou Zac.

“Meu primeiro teste foi para o papel de Peter Pan. Eu tinha 15 anos e tinha acabado de interpretar Peter Pan em um peça de teatro. Então pensei: ‘Quem poderia fazer melhor que eu?'”, afirmou o ator. Acostumado com o teatro, atuar diante de uma câmera de TV era algo novo. “A mulher me interrompeu e disse: ‘Você nunca fez isso antes, fez?’. Eu disse que não e ela me mandou embora. Esse foi o pior teste da minha vida”, disse.

Zac está em Londres, onde faz o trabalho de divulgação de seu novo filme, Me and Orson Welles, do cultuado diretor Richard Linklater. Segundo muitos críticos, a participação no filme é um passo importante para o ator se distanciar do mundo dos musicais que o deixou famoso entre os adolescentes.

No filme, que chega aos cinemas europeus em 4 de dezembro, Zac interpreta Richard Samuels, um estudante que, por acaso, consegue um papel menor na produção Júlio César no Mercury Theatre, em 1937, dirigida por Orson. Durante uma semana turbulenta, ele faz sua estreia na Broadway, inicia um romance com uma mulher mais velha e ousa bater de frente com o diretor dominador.

Durante entrevista coletiva, Zac afirmou que espera que seu novo filme ensine alguma coisa ao público jovem sobre o famoso escritor e diretor americano. “Eu acho que é uma boa oportunidade de revelar ao público o gênio que era Orson Welles. Talvez os fãs que não conheçam Orson poderão ter mais de uma opinião quando comerçarem a estudá-lo na escola”, disse o ator.