Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Youtuber que riu de cadáver lança vídeo de prevenção ao suicídio

Arre´pendido por ter mostrado homem que se enforcou em floresta do Japão, Logan Paul entrevista especialistas no tema

Há três semanas, o youtuber americano Paul Logan caiu em desgraça após mostrar — e ainda fazer piadas a respeito — um cadáver em uma floresta japonesa conhecida pelos numerosos casos de suicídio. Criticado por internautas e repreendido até pelo YouTube, ele tenta agora limpar sua imagaem com outro vídeo, mais sério e educativo.

Nesta quarta-feira, ele divulgou em seu canal, ainda seguido por cerca de 16 milhões de pessoas, conversas que teve com médicos e especialistas sobre o assunto, com o objetivo de servir de prevenção. Um dos entrevistados é um sobrevivente, que se jogou da famosa ponte Folden Gate, em São Francisco.

Logan começa a gravação se desculpando mais uma vez por seu comportamento inapropriado e admite que não tinha noção de que cerca de 800.000 se matam em todo o mundo a cada ano. “Isso foi parte do problema, pois eu não sabia nada sobre suicídio”, confessa. “Apesar de ter consciência de que não poderei resolver o problema sozinho, quero fazer parte da solução”.

O vídeo da polêmica foi publicado com o título “encontramos uma pessoa morta em floresta do suicídio japonesa” e mostrava Paul com seus amigos, andando pela floresta Aokigahara, conhecida pela grande incidência de suicídios.  As imagens mostram os jovens rindo e fazendo piadas após encontrarem o que seria um corpo de uma pessoa enforcada em uma árvore com o rosto desfocado. Após uma grande repercussão negativa na internet, o youtuber pediu desculpas, apagou o vídeo e afirmou que ficaria um tempo fora das redes sociais.

O novo vídeo, publicado abaixo sem legendas, já soma acerca de nove milhões de visualizações.