Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vocalista do Pretenders reafirma comentário sobre estupro

Chrissie Hynde manteve declaração controversa de que mulheres teriam culpa em casos de abusos sexuais

Chrissie Hynde, vocalista do Pretenders, não mostrou sinais de que se arrependeu de ter dito que as mulheres podem ser culpada em casos de estupro. “Não sei, não pensei muito sobre isso”, disse ela ao jornal The Washington Post. “Se você não quer minha opinião, não me faça perguntas”. Na semana passada, a cantora de 63 anos falou à publicação britânica Sunday Times que é “totalmente responsável” por um ataque sexual que sofrera aos 21, por uma gangue de motociclistas. “Se você brinca com fogo, irá se queimar.”

LEIA TAMBÉM:

Cantora do Pretenders é criticada por culpar mulheres por estupro

Mais três mulheres acusam Bill Cosby de abuso sexual

Blog com ‘guia para estuprar uma mulher na USP’ é investigado

Na entrevista mais recente, Chrissie disse que a maioria das pessoas não é “estúpida” como ela. A cantora ainda tentou fazer uma comparação entre seu caso com uma situação hipotética. “Eu não disse que pedi por aquilo. Não foi o mesmo que andar pela rua em uma tarde agradável e alguém te arrastar para trás de um arbusto com uma faca em seu pescoço.”

Chrissie ainda reclamou da repercussão de suas declarações: “Estamos em meio a uma das maiores crises humanitárias de nossas vidas, com milhões de pessoas desabrigadas, cujas famílias foram destruídas e falamos sobre o que eu falei sobre garotas e suas roupas íntimas”.

A cantora foi alvo de críticas pelo seu comentário. Jackie Fuchs, a baixista da banda The Runaways, classificou as declarações de Chrissie como “perigosas”, pois outras sobreviventes de estupro poderiam se culpar em vez de irem atrás de apoio. “Eu não sou uma filósofa, apenas uma cantora de rock. E, agora, autoridade maior em estupro”, finalizou Chrissie.