Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vizinho volta a processar Justin Bieber alegando insulto antissemita

Jeff Schwartz já venceu o cantor na Justiça em episódio de vandalismo

Jeff Schwartz, vizinho de Justin Bieber, voltou a processar o cantor canadense, desta vez por danos morais. Os dois já se enfrentaram na Justiça anteriormente por um ato de vandalismo do astro pop, que jogou ovos na casa de Schwartz em janeiro de 2014. Segundo ele, meses antes do ataque à sua residência, o guarda-costas do cantor teria lhe proferido insultos antissemitas.

De acordo com documentos obtidos pelo site americano TMZ, o incidente aconteceu em 2013, quando Schwartz procurou Bieber para pedir que ele parasse de dirigir em alta velocidade na vizinhança, pois colocava vidas em riscos. No episódio, o segurança do cantor o teria enfrentado, dizendo: “E o que você vai fazer sobre isso, garotinho judeu?”. Schwartz alega ter sofrido um stress emocional com a situação, agravada pelas constantes festas e corridas de carro promovidas pelo cantor, que também o teria agredido. Bieber, contudo, nega a briga.

Leia também:

Caiu a ficha: Bieber afirma que ‘é hora de crescer’

Justin Bieber pede perdão pelos seus erros na TV

No primeiro processo promovido pelo vizinho, Bieber foi condenado a pagar 80 900 doláres por danos e sentenciado a dois anos de liberdade condicional por vandalismo. Ele também teve que cumprir cinco dias de serviço comunitário, e três meses de um programa de controle de raiva.