Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tracy Morgan processa Walmart por acidente de carro

O ator acusa a rede de negligência por ter permitido que um motorista dirigisse 1.120 quilômetros de sua casa até um centro de distribuição

O ator e comediante Tracy Morgan, conhecido pela série 30 Rock, entrou com processo contra a rede de supermercados Walmart por um acidente que sofreu em junho que envolvia um caminhão da empresa. A colisão ocorreu entre seis carros e deixou uma pessoa morta e sete feridas, incluindo o ator, que chegou a ficar internado em estado crítico. Kevin Roper, motorista de um dos caminhões da rede, é apontado como o responsável pelo acidente por ter dormido ao volante e atravessado a pista, batendo nos veículos.

Leia também:

Ator americano Tracy Morgan é internado em estado crítico

Ator Tracy Morgan deixa hospital e vai para clínica de reabilitação

Caminhoneiro é acusado de ser responsável por acidente com Tracy Morgan

De acordo com o processo, obtido pelo site do jornal The New York Post, Morgan acusa o Walmart de negligência. “A rede Walmart foi descuidada e negligente na operação de seu veículo, o que causou ferimentos severos ao senhor Morgan”, diz o documento. “Como resultado direto e imediato da colisão, o senhor Morgan sofreu lesões corporais dolorosas graves, incluindo múltiplas fraturas que exigiram cirurgias, tratamento médico extensivo e ainda vai exigir reabilitação física.”

O processo afirma que Roper estava exausto quando provocou o acidente e que ele havia dirigido mais de 1.120 quilômetros de sua casa, em Jonesboro, no Estado de Georgia, até um centro de distribuição da Wallmart, em Smyrna, em Delaware. “Há muitos centros de distribuição perto da casa do senhor Roper, incluindo nove na Georgia, e seu encaminhamento para esses locais teria reduzido o seu trajeto”, diz o processo. Segundo o jornal, o motorista dirigia havia nove horas e 37 minutos sem fazer paradas e estava acordado havia mais de 24 horas.

Em resposta, a rede de supermercados divulgou uma nota lamentando a tragédia. “Nós pedimos desculpas por ter um de nossos caminhões envolvidos. Nós estamos cooperando com as investigações. Sabemos que vai demorar algum tempo para resolver todas as questões resultantes do acidente, mas estamos comprometidos em fazer o certo para todos os envolvidos.”