Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Taylor Swift prova do próprio veneno e vira alvo do One Direction

Trechos da nova música do grupo, 'Perfect', remetem a 'Style', canção que a cantora escreveu para o ex, Harry Styles, integrante da boyband britânica

A boyband britânica One Direction divulgou na última sexta, 9, Perfect, canção que faz parte do álbum Made in the A.M., com lançamento previsto para 13 de novembro. Em meio aos boatos de que pode chegar ao fim no próximo ano, o grupo se arrisca a dar alfinetadas: Perfect, música divulgada nesta sexta, parece uma resposta da banda a Style, faixa do CD 1989, de Taylor Swift. Em Style, a cantora faz referência ao término do relacionamento com Harry Styles. Em Perfect, ele responderia: “Se você procura por alguém para escrever suas canções de fossa, querida, eu sou perfeito. Querida, nós somos perfeitos”. A canção do One Direction pode ser escutada aqui.

LEIA TAMBÉM:

Taylor Swift, enfim, fala sobre ex Harry Styles: ela foi traída

Justin Bieber provoca One Direction em rede social

One Direction divulga faixa e anuncia lançamento de novo álbum

Começo do fim? One Direction pode dar um tempo em março

O namoro-relâmpago de Style e Taylor entre o final de 2012 e o início de 2013 deu pano para manga — para música também. Em Style, ela canta: “Midnight, you come and pick me up / No headlights / Long drive, could end in burning flames or paradise” (“Meia-noite, você vem e me busca, sem faróis, longa carona, poderia terminar em chamas ou no paraíso”). Já Perfect replica: “If you like midnight driving with the windows down / And if you like going places we can’t even pronounce / If you like to do whatever you’ve been dreaming about / Baby, you’re perfect” (“Se você gosta de dirigir à meia-noite com os vidros abaixados, e se você gosta de lugares de que nós nem conseguimos falar, se você gosta de fazer o que você estive sonhando, querida, você é perfeita”).

Se parece ser uma mera coincidência os dois falarem de andar de carro durante a noite, Styles, depois, dá a pista mais clara de que fala sobre Taylor: “And if you’re looking for someone to write your breakup songs about / Baby, I’m perfect / Baby, we’re perfect” (“E, se você procura por alguém para escrever suas canções de fossa, querida, eu sou perfeito. Querida, nós somos perfeitos”).

Em entrevista à radio australiana Nova 96.9FM, Styles falou sobre a música. “Perfect com certeza é uma música sobre amor, mas um tipo espontâneo de amor.” Quanto ao processo de composição, Louis Tomlison, integrante da banda, disse que escreve sobre “suas próprias experiências”.

Out of the Woods

“Olhando para ele agora / Tudo parece tão simples / Estávamos deitados no sofá / eu me lembro / Você tirou uma Polaroid de nós / Então descobriu / o resto do mundo era preto e branco / Mas estávamos em cores gritantes / E eu me lembro de pensar / Será que estamos fora de perigo ainda?”, diz um trecho do single Out of the Woods, do novo álbum da cantora, 1989, dedicado ao cantor Harry Styles, da banda One Direction. O namoro dos dois durou pouco mais de dois meses, entre outubro de 2012 e janeiro de 2013, o suficiente para inspirar a cantora.

Our Song

“Ele tinha uma mão no volante/ E a outra em meu coração/ Olhei em volta, desliguei o rádio/ Ele disse ‘Baby, há algo errado?’/ Eu disse ‘Nada, estava só pensando como nós não temos uma canção’”. Primeira música dedicada a um ex-namorado, não se sabe qual, da cantora, antes da fama.

Should’Ve Said No

“Você devia ter dito ‘não’, ido pra casa/ Devia ter pensado duas vezes antes de botar tudo a perder/ Devia ter recusado, mas o que fez com ela/ Chegou aos meus ouvidos.” Pela primeira vez, Taylor transforma o término de um relacionamento conturbado em sucesso. A música foi dedicada a um ex-namorado do colegial que a traiu.

Picture to Burn

“Eu odeio essa estúpida caminhonete velha/ Que você nunca me deixa dirigir/ Você é um caipira, destruidor de corações/ Que é realmente um péssimo mentiroso.” O caipira não chegou a ser namorado de Taylor Swift, mas arrogância do rapaz, com quem ela saiu algumas vezes, serviu de inspiração para a letra virulenta.

Forever and Always

“E eu olho para o telefone/ Ele ainda não ligou/ E você se sente tão fraca, que não consegue sentir mais nada/ E você relembra quando ele falou/ ‘Para sempre e sempre’.” Dedicada ao músico Joe Jonas, dos Jonas Brothers, que terminou o namoro pelo telefone. A primeira canção dedicada a um ex-namorado famoso.

Dear John

“Bem, talvez a culpa seja minha e de meu otimismo cego/ Talvez você e sua necessidade doentia de dar amor e tirar depois/ E você vai adicionar o meu nome a sua longa lista de traidores/ E eu vou olhar para trás e lamentar como eu ignorei quando diziam ‘Corra o mais rápido que puder’.” Pelo nome não há como esconder que a música foi dedicada ao cantor John Mayer e ao tratamento que ele dava à sua ex-namorada. Em entrevista à revista americana Rolling Stone, Mayer contou que se sentiu humilhado com a canção.

The Story of Us

“Agora estou sozinha em uma sala lotada/ E não estamos nos falando/ E eu estou morrendo de vontade de saber: isso mata você de alguma forma, como mata a mim?/ Eu não sei o que dizer sobre a reviravolta do destino quando tudo se quebrou/ E nossa história se parece com uma tragédia agora.” Outra música dedicada ao conturbado fim de namoro com John Mayer.

Back to December

“Desejava ter percebido o que tinha quando você era meu/ Eu volto para dezembro, mudo tudo/ E faço tudo certo/ Eu volto para dezembro toda hora.” Dedicada ao ator Taylor Lautner. A cantora, arrependida, admite ser a culpada pelo fim do namoro.

We Are Never Ever Getting Back Together

“Eu digo que odeio você, terminamos, você me liga, eu amo você/ Você voltou atrás mais uma vez na noite passada/ Mas, desta vez, estou lhe dizendo/ Nós nunca, nunca, nunca vamos voltar.” Apesar de Taylor Swift nunca ter confirmado, os fãs da cantora insistem que a música foi feita para o seu namorado no final de 2012, o ator Jake Gyllenhaal.