Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Taylor Swift é o destaque dos American Music Awards

A cantora americana Taylor Swift foi a grande vencedora desta noite na 39ª edição dos American Music Awards (AMAs), festa na qual levou três prêmios, entre eles o de Artista do Ano.

A cerimônia aconteceu no teatro Nokia de Los Angeles em uma noite marcada pela chuva e pelas ausências de estrelas da música como Lady Gaga, Beyoncé, Rihanna e a própria Adele, que está convalescendo de uma operação de garganta.

Adele contava com o maior número de indicações, quatro no total, e ganhou em três categorias, Artista Favorita em Pop/Rock, Álbum Favorito em Pop/Rock por ’21’ e Artista Favorito Adulto Contemporâneo.

Swift não pôde evitar levar as mãos à cabeça ao receber o prêmio de Artista do Ano, que dedicou a seus fãs incondicionais e a Selena Gómez, namorada de Justin Bieber, que se sentou a seu lado durante o evento e de quem disse que era ‘a irmã menor’ que nunca teve.

‘Não pensei que isto fosse acontecer’, reconheceu sobre o palco surpreendida Swift, que ganhou também os AMAs por Artista Favorita de Música Country e Álbum Favorito de Música Country por ‘Speak Now’.

Outro dos vencedores inesperados da noite foi Bruno Mars, que se impôs ao popular Bieber como Artista Favorito em Pop/Rock.

Jennifer López ficou com o prêmio de Artista Favorito de Música Latina, pelo qual concorria com Pit bull e Enrique Iglesias, e se mostrou emocionada pelo reconhecimento.

‘Não esperava ganhar embora todo mundo o dizia. Quero agradecer a Deus porque foi um ano incrível em muitos sentidos, com seus altos e baixos. Quero agradecer a minha família, a meus lindos filhos que me inspiram para fazer tudo o que faço e a minha gente latina’, afirmou a cantora que recentemente se separou de Marc Anthony.

A entrega de prêmios foi protagonizada pelas atuações musicais, com destaque para os artistas latinos, que junto com o grupo LMFAO foram responsáveis pelos momentos mais vibrantes do evento.

Pit bull, que concorria a dois prêmios mas não levou nenhum, cantou com Marc Anthony em ‘Rain Over Me’, que colocou Justin Bieber para dançar entre o público, enquanto Enrique Iglesias cantou ‘I Like How it Feels’ apoiado por um coro gospel e ‘Tonight’ junto com Ludacris.

Jennifer López subiu ao palco duas vezes, uma para fazer um duo com Will.i.am em ‘T.H.E (The Hardest Ever)’, e minutos antes para interpretar seus sucessos ‘Papi’ e ‘On The Floor’.

Nicki Minaj, que foi a encarregada de abrir a festa junto com David Guetta, foi a vencedora nas categorias de Rap/Hip-hop com os dois prêmios em disputa, Artista Favorito e Álbum Favorito por ‘Pink Friday’.

Beyoncé foi agraciada com o título de Artista Favorita em Soul/R&B, estilo musical no qual Rihanna levou o prêmio de Melhor Album por ‘Loud’.

Katy Perry, que cantou vestida de rosa dos pés à cabeça a música ‘The One That Got Away’, recebeu um reconhecimento especial por ser a primeira artista feminina na história do pop a conseguir cinco números um na lista Billboard com canções de um mesmo disco (‘Teenage Dream’), algo que apenas Michael Jackson tinha alcançado com ‘Bad’.

Também saíram vencedores Maroon 5, Blake Shelton, Lady Antebellum, Usher, Foo Fighters e Casting Crowns.

A festa terminou com o grupo LMFAO cujos componentes terminaram dançando em roupa de baixo a música ‘Sexy and I Know It’ em companhia do ator David Hasselhoff.

Os AMAs foram criados em 1973 pelo produtor Dick Clark como tributo aos artistas mais populares do momento na cena musical nos EUA e há cinco anos seus vencedores são decididos por votação popular através da internet, apesar dos indicados serem escolhidos em função do sucesso de vendas e popularidade na rede mundial de computadores.

(com Agência EFE)