Taylor Swift e Nicki Minaj fazem as pazes após briga no Twitter

Cantoras trocaram alfinetadas em rede social após anuncio dos indicados ao VMA

Por Da Redação - 23 jul 2015, 19h51

Dois dias depois de ter discutido com a rapper Nicki Minaj através de tuítes, Taylor Swift escreveu um pedido de desculpas para a rival em seu perfil na rede social. “Eu pensei que estava sendo intimada. Perdi o ponto, entendi errado e me enganei. Me desculpe, Nicki”, disse a cantora de Bad Blood. A rapper de Anaconda respondeu o pedido de desculpas com dois tuítes. No primeiro escreveu: “Isso significa muito, Taylor. Obrigada”, seguido de três corações. Na segunda mensagem ela continuou, “Eu sempre a amei. Todo mundo comete erros. Ela ganhou o meu respeito ainda mais. Vamos seguir em frente”.

LEIA TAMBÉM:

Taylor Swift responde alfinetada de Nicki Minaj sobre o VMA

Katy Perry entra na briga de Taylor Swift e Nicki Minaj

Publicidade

A briga havia começado quando Nicki Minaj, após não ter sido indicada ao prêmio de vídeo do ano no VMA, premiação da MTV americana, protestou contra o critério, que, segundo ela, dava atenção apenas para mulheres extremamente magras. Taylor entendeu a mensagem como uma indireta e respondeu. “Nunca fiz nada além de te amar e apoiar. Não é do seu feitio colocar mulheres umas contra as outras. Talvez um dos homens tenha pegado a sua vaga (na premiação)” disse a cantora, indicada a vídeo do ano com Bad Blood.

Nicki Minaj estranhou a publicação de Taylor e devolveu. “Huh? Você não deve estar lendo meus tuítes. Não disse uma palavra sobre você. Te amo também, mas você deveria falar algo sobre isso”, disse. Taylor fugiu da controvérsia e fez um convite: “Se eu ganhar, suba ao palco comigo! Você está convidada em todos os palcos em que eu estiver”. A rapper fez questão de esclarecer que não estava falando de Taylor em outras postagens. “Nada do que eu disse foi para a Taylor”, escreveu.

A briga entre elas deu o que falar no Twitter. Outros artistas também participaram da confusão, como Bruno Mars e Ed Sheeran, que forjaram uma discussão a fim de ridicularizar a situação, e Katy Perry, que também deu sua opinião sobre o assunto ao falar que acha irônico o argumento de “jogar uma mulher contra a outra” quando uma delas lucra e a outra é rebaixada — uma indireta a um comentário de Taylor, apontada como sua rival.

(Da redação)

Publicidade