Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tatuapé cobre o Anhembi de dourado para celebrar o ouro

Ouro, símbolo da riqueza e da ambição é o samba-enredo que embala o desfile da Acadêmicos do Tatuapé, quinta escola a entrar no Anhembi no segundo dia de desfiles. A agremiação conta a história deste metal precioso e suas diversas representações.

O simbolismo do ouro nas conquistas, a ostentação e até os contos infantis, como o do Tio Patinhas, serão lembrados no desfile. Cerca de 3 mil integrantes, divididos em quatro setores e 19 alas, vão cobrir de dourado a passarela do samba. Gil Jung é a rainha de bateria, que vai representar os ritmistas comandados pelo mestre Higor. A corte da bateria tem ainda a musa Thainá Souza, a madrinha Viviane Ridrigues, a 1ª princesa Cris Aguiar e até um rei, Daniel Manzioni. O carnavalesco é Mauro Xuxa.

Galeria de imagens: As musas do Carnaval de São Paulo

A melhor colocação da escola no Grupo Especial foi em 2014, quando ficou em 6º lugar com um enredo sobre São Jorge. Na madrugada deste domingo ainda desfilam no Anhembi Vai-Vai e X-9 Paulistana.

(Com Estadão Conteúdo)