Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Spike Lee e mulher de Will Smith anunciam boicote ao Oscar por ausência de negros entre os indicados

"Como é possível que pelo segundo ano consecutivo todos os 20 concorrentes nas categorias de atuação sejam brancos?", criticou o diretor, no Instagram

O cineasta Spike Lee, diretor de O Plano Perfeito e Faça a Coisa Certa, anunciou nesta segunda-feira, em seu perfil no Instagram, um boicote à cerimônia de premiação do Oscar 2016. O americano publicou uma foto de Martin Luther King Jr., no feriado dedicado à memória do célebre ativista político morto em 1968, acompanhada de um texto em que critica a ausência de negros entre os atores indicados ao prêmio.

LEIA TAMBÉM:

“Decepcionante”, diz presidente da Academia sobre falta de negros no Oscar

Ator de ‘Selma’ diz que Hollywood só premia negros em papéis submissos

Confira a lista de indicados ao Oscar 2016

“Não quero desrespeitar meus amigos, o apresentador Chris Rock, o produtor Reggie Hudlin, a Presidente (Cheryl Boone) Isaacs e a Academia. Mas como é possível que pelo segundo ano consecutivo todos os 20 concorrentes nas categorias de atuação sejam brancos?”, questionou no texto. Na postagem, Lee lembra que, meses atrás, ele próprio ganhou um Oscar honorário por sua carreira de sucesso no cinema, mas alegou que isso não o obriga a apoiar a cerimônia.

Além de Lee, a esposa de Will Smith, Jada Pinkett Smith, também anunciou, em seu Twitter, que não irá ao Oscar deste ano pelos mesmos motivos. “No Oscar, os negros são sempre bem-vindos para entregar os troféus ou para entreter, mas nós raramente somos reconhecidos pelas nossas conquistas artísticas”, escreveu.

A cerimônia de entrega dos prêmios do Oscar acontece em 28 de fevereiro, em Los Angeles, na Califórnia.

(Da redação)