Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

São Paulo é uma das dez cidades mais influentes nas artes em 2015; veja lista

Nova York aparece no topo do ranking da Artsy, plataforma que mapeia a produção artística em todo o mundo e considera número de exposições e galerias, ente outros itens

Por Da Redação - 19 dez 2015, 17h12

São Paulo foi uma das cidades mais infleuntes no mundo das artes em 2015, segundo levantamento da Artsy, plataforma que mapeia a produção artística em todo o mundo. O ranking elaborado pela Artsy considera critérios como o número de museus, galerias, feiras e exposições de artes plásticas, entre outros itens.

No texto de apresentação do ranking, a Artsy fala que São Paulo manteve sua relevância no mundo das artes mesmo “com a economia brasileira entrando em queda live no último ano”, o que afeta o ímpeto dos colecionadores. Em 2015, há mais de 40 galerias ativas na cidade e mais de dez museus e instituições dedicados às artes plásticas. Isso assegurou à capital paulista a melhor colocação entre as cidades latino-americanas, mesmo em um ano sem edição da Bienal de Artes.

Nova York apareceu no topo do ranking. A posição foi conquistada com mais de mil galerias ativas na cidade em 2015, cerca de 75 museus e instituições de arte e de 30 feiras de arte. O levantamento da Artsy faz enção a quinze cidades.

A plataforma Artsy foi criada em 2010 e é mantida por alguns dos maiores empresários e executivos do mundo, como Eric Schmidt (Google), Jack Dorsey (fundador do Twitter), Peter Thiel (um dos fundadores do sistema de pagamentos Paypal) e Keith Rabois (Paypal e Linkedin). A lista inclui ainda alguns dos principais curadores de arte americanos.

Publicidade

Conheça a lista das cidades mais influentes nas artes em 2015, segundo a Artsy:

Leia mais:

Bienal de SP de 2016 já tem 54 artistas confirmados

Cientista diz ter descoberto imagens ocultas em ‘Mona Lisa’

(Da redação)

Publicidade