Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Sai de Baixo’ sai da cova e ganha sobrevida com inéditos

O humorístico, que fez sucesso nos anos 1990 na TV Globo, foi escolhido para comemorar o terceiro aniversário do Canal Viva com quatro novas histórias

O humorístico Sai de Baixo ficou seis anos ininterruptamente no ar nas noites de domingo da Globo, até 2002. A ideia era transmitir uma peça teatral de comédia pela TV. Mas o sucesso inicial foi perdendo graça com o passar do tempo. Nem a boa escalação de comediantes, como Miguel Falabella, Marisa Orth, Aracy Balabanian entre outros, conseguiu reverter o “mau humor” do programa em seus últimos anos.

Agora, 11 anos depois de ser “enterrado”, o Sai de Baixo voltará com quatro episódios inéditos para comemorar os três anos do Canal Viva. O motivo da celebração é o sucesso do Sai de Baixo no canal pago. Desde a sua inclusão na grade de programação, em maio de 2010, o humorístico está entre as cinco maiores audiências do Viva.

Leia também:

Em ‘Pé na Cova’, Miguel Falabella faz graça com a morte

Em nome desse sucesso de público, o elenco original volta a ocupar nesta terça-feira o palco do teatro Procópio Ferreira, em São Paulo, para gravar quatro novos episódios – com as baixas (sentidas) de Cláudia Jimenez e Tom Cavalcante. Sem Cláudia Jimenez, que não quis participar do revival, segundo Falabella, o espaço da empregada doméstica desbocada ficou com Marcia Cabrita, a Neide Aparecida, integrante do elenco na segunda temporada em diante. A icônica Edileuza faz parte da turma dos que foram e não voltaram mais.

O roteiro, assinado por Artur Xexéo, foi atualizado com uma discussão atual: a PEC das Domésticas. Nos novos episódios, que serão exibidos pelo Viva a partir de 11 de junho, a empregada Neide Aparecida fica rica após vencer um processo trabalhista movido com base na nova lei. A turma do Arouche se reúne no antigo apartamento de Vavá (Luis Gustavo) para atender a um convite de jantar anônimo. Lá, eles descobrem que a anfitriã misteriosa é Neide, que chama todos para morar no velho endereço novamente.

Miguel Falabella, que escreveu o seriado Pé na Cova, brincou com a volta do humorístico. “Tem que deixar os mortos descansarem”, disse Falabella no melhor estilo Caco Antibes, seu personagem em Sai de Baixo. A volta é apenas um sopro para matar a saudade. Depois dos quatro episódios, o humorístico volta para a cova.

Elenco de 'Sai de Baixo' se reúne em coletiva para divulgar episódios inéditos Elenco de ‘Sai de Baixo’ se reúne em coletiva para divulgar episódios inéditos

Elenco de ‘Sai de Baixo’ se reúne em coletiva para divulgar episódios inéditos (/)