Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Roteirista indicado ao Oscar é escalado para ‘50 Tons’

Patrick Marber, responsável pelo script de ‘Notas Sobre um Escândalo’, foi contratado para melhorar a adaptação do romance erótico de E. L. James

Por Da Redação - 15 out 2013, 19h55

Movimentações intensas rodeiam a adaptação para o cinema do romance erótico Cinquenta Tons de Cinza, da britânica E. L. James. No fim de semana, o ator Charlie Hunnam, que interpretaria o protagonista Christian Grey, abandonou o projeto, deixando vago o posto de galã sadomasoquista. Além disso, segundo o site da revista The Hollywood Reporter, um novo roteirista, Patrick Marber, foi contratado para melhorar a história do filme. A princípio, Kelly Marcel (da série Terra Nova), com quem a autora E. L. James chegou a trocar tuítes sobre acessórios eróticos, comandaria sozinha o texto.

Leia também:

Pressão e fama repentina levaram ator a deixar ’50 Tons’

Fãs de ’50 Tons’ fazem abaixo-assinado por troca de atores

Publicidade

Marber, indicado ao Oscar pelo roteiro de Notas sobre um Escândalo (2006), foi escalado pela produção na última sexta-feira para fazer ajustes gerais no script de Cinquenta Tons, principalmente na construção dos personagens. De acordo com o site, esse “polimento” no roteiro não deve tomar muito tempo e a história estará pronta em novembro, quando as gravações estão marcadas para começar – caso a produção encontre um novo protagonista.

Quando foi anunciada a saída de Hunnam, a Universal declarou que a agenda atribulada do ator impossibilitaria as gravações do filme. Mas, de acordo com a publicação, o ator teria saído pela pressão e pela fama repentinas que tomaram o seu dia a dia após o anúncio de seu nome para o longa. Alguns nomes apontados como os possíveis substitutos para Hunnam são os atores Jamie Dornan, da série The Fall, e Alexander Skarsgard of True Blood. Dakota Johnson, escolhida para viver a heroína virginal Anastasia Steele, segue na produção, que tem estreia prevista para 1º de agosto de 2014, nos Estados Unidos.

VOTE: Quem deveria substituir Charlie Hunnam em ’50 Tons’?

Publicidade

Publicidade